33º Rodeio Crioulo Nacional homenageia laçador brusquense Calinho Montibeller

Abertura do evento foi marcada pela presença da família do tradicionalista

33º Rodeio Crioulo Nacional homenageia laçador brusquense Calinho Montibeller

Abertura do evento foi marcada pela presença da família do tradicionalista

A sexta-feira, 4, foi marcada pela abertura oficial do 33º Rodeio Crioulo Nacional, do CTG Laço do Bom Vaqueiro. A solenidade contou com a presença de autoridades como o prefeito Jonas Paegle e o vice Ari Vequi, além de assessores, tradicionalistas e o público.

A abertura foi feita pelo narrador Sizenando do Carmo Neto, diretor do Departamento de Narradores do Brasil, e que há 26 anos consecutivos narra os rodeios do CTG.

A emoção foi a tônica da abertura, pois o pai e os filhos de Calinho Montibeller, tradicionalista e laçador brusquense que faleceu no início deste ano, participaram de homenagem a ele.

O pai de Calinho, Genézio Montibeller e seus filhos, todos pertencentes ao Piquete Vô Genézio, não conseguiram conter as lágrimas quando um boi foi solto na cancha, simbolizando Calinho nos tiros de laço.

A principal competição do rodeio também leva o nome do tradicionalista: “Troféu José Carlos Montibeller”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio