41ª Pronegócio encerra com a venda de mais de 1 milhão e 500 mil peças

Rodada realizada pela AmpeBr fomentou o setor de confecção das micro e pequenas empresas, de 15 a 19 de maio

41ª Pronegócio encerra com a venda de mais de 1 milhão e 500 mil peças

Rodada realizada pela AmpeBr fomentou o setor de confecção das micro e pequenas empresas, de 15 a 19 de maio

Encerrou nesta sexta-feira, 19 de maio, a 41ª edição da Pronegócio. Considerada a maior rodada de negócios de confecção do país, o evento realizado pela Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr), em parceria com o Sebrae-SC, contou com a presença de mais de 800 compradores de todo Brasil e fabricantes de 180 segmentos nos setores feminino, masculino, infantil, cama, mesa, banho, moda praia e fitness.

Durante toda semana da rodada, que teve início na segunda-feira, 15, no Pavilhão Maria Celina Vidotto Imhof, foi registrado um grande número de negociações, ultrapassando a meta prevista pela diretoria da AmpeBr: foram negociadas mais de 1 milhão e 500 mil peças das coleções Primavera/Verão 2017-2018.

“A semana foi movimentada, de intensas negociações. Isso tudo fomentou grandes negócios e estamos muito felizes. Com os pedidos feitos ao longo da tarde de sexta-feira, alcançamos a nossa meta e para a AmpeBr é uma grande satisfação poder ter esses resultados”, declara o presidente da entidade, Ademir José Jorge.

Com as negociações fechadas, a partir de agora as empresas de confecção, malharias e demais fábricas do setor têxtil já iniciam suas produções, o que irá fortalecer ainda mais a economia do município e região.

Na quinta-feira, 18, foi realizado um momento de confraternização entre os compradores e vendedores e, de acordo com o presidente da entidade, foi uma oportunidade de troca de ideias, sugestões e network entre os participantes.

“Tivemos a presença do Núcleo de Cervejeiros da AmpeBr nesse encontro, onde os participantes da rodada puderam conhecer também algumas cervejas artesanais do grupo. Nesse momento, muitos clientes conversaram conosco, falaram da satisfação em participarem da rodada, do sucesso das vendas, e isso nos motiva ainda mais a continuar com as edições da Pronegócio”, ressalta Ademir.

Na avaliação do presidente, um dos fatores que contribuiu para a vinda de novos compradores nessa edição da rodada, foi o resultado do trabalho de prospecção que a AmpeBr realizou, em cidades que ainda não tinham compradores na Pronegócio.

“Buscamos clientes com potencial para o nosso evento em várias regiões do Brasil. Nossa última viagem, antes dessa 41ª Pronegócio, foi a Cuiabá, Rondonópolis e Jaciara, no Mato Grosso. Eles atenderam nosso convite e vieram já nessa rodada seis novos grupos de lojas, que compraram produtos daqui, adoraram o evento e com certeza virão nas próximas edições. E isso contribuiu muito para o número recorde de compradores nessa rodada”, pontua.

Compradores satisfeitos
Da cidade de Campo Bom (RS), a compradora Lisiane Paludo foi uma das que esteve na 41ª Pronegócio. Há dez anos participando do evento, na busca de produtos do segmento masculino, feminino e infantil, ela vê as edições da rodada da AmpeBr como uma excelente oportunidade de comprar as coleções de forma antecipada para suas oito lojas.

“Muitos dos nossos fornecedores estão aqui, o que é ótimo, pois conseguimos fazer todos os atendimentos e uma boa programação de produtos. Há um tempo não tínhamos mais comprado, mas retomamos, pois vimos que aqui temos muito custo-benefício, que os produtos estão avançando em termos de tendências e inovação. E enquanto continuarem inovando, vamos continuar participando”, avalia.

Da mesma forma Maria Inês Arroio Pisolato, compradora de Centenário do Sul (PR) avaliou de forma positiva o evento. Ela, que há quatro anos participa das edições da Pronegócio, mais uma vez voltou para sua região com bons produtos para seus clientes.

“Aqui tem qualidade e referência, e o trabalho da AmpeBr já tem uma identidade. Sem falar que criamos um vínculo com os fabricantes. Sempre me sinto em casa quando venho aqui. Estamos vivendo momentos difíceis no país, mas creio que a região Sul é um exemplo para o resto do Brasil. É através dos negócios, do respeito, de valores, e de muito trabalho, que se faz a diferença e tudo isso é encontrado aqui na rodada. Com certeza saímos de Brusque muito satisfeitos”, enfatiza.

A partir de agora a AmpeBr inicia os trabalhos para a 42ª Pronegócio, que acontece de 21 a 25 de agosto, no Pavilhão Maria Celina Vidotto Imhof, em Brusque. “Vamos avaliar e começar a planejar essa próxima edição, e melhorar o que for necessário, para cada vez mais atender da melhor forma os fabricantes da nossa região, bem como os compradores que vêm de todas as partes do país para adquirirem os produtos nas nossas rodadas”, complementa o presidente da AmpeBr.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio