Caixa d’água deve ser limpa uma vez ao ano em condomínios residenciais

Já em prédios comerciais, a higienização deve ser feita a cada seis meses

Caixa d’água deve ser limpa uma vez ao ano em condomínios residenciais

Já em prédios comerciais, a higienização deve ser feita a cada seis meses

Manter a caixa d’água sempre limpa é fundamental para a qualidade de vida dos moradores e também uma obrigação dos condomínios. A higienização do local que armazena água deve ser feita por empresa especializada e as administradoras de condomínios é que têm a responsabilidade de controlar a periodicidade da limpeza.

Nas empresas consultadas por O Município, a recomendação para a manutenção da caixa d’água dos condomínios residenciais é de, pelo menos, uma vez ao ano.

O gerente da Bruscon, Luiz Filipe Ramos, destaca que a administradora é que faz o controle da periodicidade da higienização dos 140 prédios administrados pela empresa.

“Fazemos todo o gerenciamento. Temos o controle de quando foi feita a última de cada prédio e antes de vencer a data, pegamos os contatos das empresas especializadas, fazemos os orçamentos e passamos para os síndicos”, diz.

Na Pontual Administradora de Condomínios, o processo é semelhante. A recomendação para os 17 prédios controlados pela empresa é que a limpeza seja feita no período de um ano. “Alguns prédios, se o síndico verifica que é necessário, a limpeza é feita mais de uma vez ao ano, mas geralmente, uma vez é suficiente”, diz a administradora da empresa, Josiane Pedrini.

A AC Administradora de Condomínios administra cerca de 30 prédios e repassa os contatos das empresas para os síndicos que escolhem a de sua preferência para realizar a higienização das caixas d’água. “Quando chega perto da data de vencer, as próprias empresas já nos encaminham orçamentos para renovar o contrato”, explica Carla Moser Kohler.

Já para prédios comerciais, a higienização deve ser feita a cada seis meses, seguindo normativa da Vigilância Sanitária. “A Vigilância Sanitária pede essa periodicidade para os prédios comerciais, que é o tempo que os certificados valem”, diz Ramos.

Ao programar a manutenção das caixas d’água, as administradoras emitem um comunicado aos moradores com o dia e o horário que a limpeza será feita para que não aconteçam surpresas. “Geralmente a limpeza causa um transtorno, o prédio fica sem água por algumas horas, então sempre encaminhamos o aviso com antecedência”, destaca Carla.

Geralmente, a limpeza da caixa d’água já está prevista no orçamento dos condomínios, por isso, não é preciso convocar assembleia para aprovar o serviço. “O condomínio vai arrecadando durante o ano, e quando o serviço é feito, já tem o valor”, explica Ramos.

A limpeza em caixa d’água leva em média uma hora. Caso não haja a higienização regularmente, o reservatório pode virar um depósito de bactérias e se transformar em agente transmissor de doenças.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio