A falta de conhecimento sobre o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) ainda é a principal barreira que impede a inclusão de autistas nos mais diferentes ambientes. Com o objetivo de informar familiares e profissionais que convivem com pessoas com TEA, por meio de profissionais gabaritados e especializados na área, a Associação de Pais, Profissionais e Amigos dos Autistas de Brusque (AMA Brusque) promove a quarta edição da Jornada de Atualização em TEA.

O evento será no auditório do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Brusque e Região (Sintrivest), no dia 30 de setembro, a partir das 9h. Assim como nos anos anteriores, a AMA Brusque trará para a cidade profissionais com experiência, mas também dará voz aos autistas: encerra o ciclo de palestras o youtuber dono do canal Diário de um Autista, Marcos Petry, de 23 anos, que em agosto foi entrevistado no programa Encontro com Fátima Bernardes, da Rede Globo.

Tabus a serem quebrados

Mesmo na era da tecnologia e da informação imediata, o autismo ainda é um assunto repleto de tabus, mitos e desconhecimento. Segundo a presidente da AMA Brusque, Giselle Zambiazzi, em Brusque e região não são poucos os casos de falta de esclarecimento. “Toda a semana eu sou chamada para dar palestras e conversar com professores, ou chega uma nova família na AMA Brusque a qual o filho foi diagnosticado com TEA. Embora fale-se muito sobre autismo, há muita coisa errada sendo dita. A desinformação e o medo ainda imperam”.

Justamente por isso, a Jornada de Atualização se prova essencial. Segundo Giselle, são intercalados médicos, terapeutas, pessoas da área da educação e pais que também trocam experiências durante o evento. A intenção nesta edição é que haja equilíbrio entre informações técnicas e reflexões sobre o autismo. “Nós lidamos com dois tipos de público, os familiares de autistas e os profissionais que precisam compreender esse transtorno, portanto não podemos nem nos delongar muito com o tecnicismo e nem fazer algo raso ou escasso em informações científicas”.

A presidente da AMA Brusque, que também é mãe de autista, afirma que haverá um momento diferente e especial no evento. Os participantes poderão vivenciar experiências sensoriais semelhantes ao que as pessoas com TEA vivem todos os dias. “É uma surpresa, mas estamos preparando com muito empenho e inclusive com a ajuda dos próprios autistas”, explica.

“Toda a semana eu sou chamada em escolas para dar palestras e conversar com professores, ou chega uma nova família na AMA a qual o filho foi diagnosticado com TEA. Embora fale-se muito sobre autismo, há muita coisa errada sendo dita. A desinformação e o medo ainda imperam”
Giselle Zambiazzi, presidente da AMA

Inclusão no centro das atenções

Mesmo que nos últimos anos a inclusão social tenha se tornado um dos assuntos mais populares, ainda há muito caminho a ser percorrido, como explica Giselle. “Nós precisamos incluir porque, primeiramente, houve uma exclusão. A sociedade é excludente, e agora, aos poucos, estamos desconstruindo isso”.

Em sua quarta edição, a Jornada de Atualização em TEA já se tornou um evento inclusivo e que chama a atenção inclusive de profissionais envolvidos nesse tema há mais tempo. “Tivemos uma palestrante em outro ano que devolveu o cachê para que seguíssemos o nosso trabalho, porque ela ficou muito contente e satisfeita com o que acompanhou”, diz Giselle.

Serviço

O QUÊ?
4ª Jornada de Atualização em TEA

QUANDO?
30 de setembro, partir
das 9h

ONDE?
No auditório da Sintrivest

INSCRIÇÕES E MAIS INFORMAÇÕES?
amabrusque@gmail.com

VALOR DO INVESTIMENTO?
R$ 50,00