Aos 90 anos, fotógrafo Érico Zendron é homenageado com livro sobre sua história

Surpresa foi idealizada pelos filhos, e edição foi impressa como um álbum de luxo

Aos 90 anos, fotógrafo Érico Zendron é homenageado com livro sobre sua história

Surpresa foi idealizada pelos filhos, e edição foi impressa como um álbum de luxo

Como presente por seus 90 anos, o fotógrafo brusquense Érico Zendron recebeu de sua família uma surpresa bastante apropriada: um livro com 90 fotos e 90 fatos de sua história. A comemoração aconteceu no dia 30 de junho, quando ele recebeu a coletânea de fotos idealizada pelos filhos. Zendron é autor do maior acervo de fotos antigas da cidade, desde os anos 1940.

Capa do livro “90 Anos de Érico Zendron em 90 Fatos & Fotos”. | Foto: Divulgação

O designer Paulo Morelli, que é casado com uma das netas de Zendron, foi o responsável por transformar a ideia em realidade. Ele, que é o curador do site Brusque Memória, já tinha acesso ao acervo de fotografias tiradas por Zendron. “A ideia foi, em homenagem aos 90 anos, reunir 90 fotos que contassem a história dele. São fotos de família, algumas que ele tirou, todas com relação com a vida dele”, conta.

Leia também:
Imigrantes Hospital e Maternidade iniciará com pronto atendimento adulto e pediátrico

Motorista envolvido em atropelamento de duas jovens em 2016 é absolvido

Ao receber o presente, Zendron diz que não imaginava que receberia o livro: “Foi uma surpresa fantástica, eu lidei tantos anos com fotografia, e eles pegaram as fotos dos álbuns de família sem eu saber. Foi o presente mais inesperado”.

Fotografia de Érico e a esposa em 1953, presente no livro. | Foto: Arquivo Pessoal

A produção do livro, desde a seleção das fotos, redação dos textos e diagramação, levou cerca de um mês. Impresso em edição única, “90 anos de Érico Zendron em 90 Fatos & Fotos” é, segundo Morelli, uma edição de luxo, como um álbum de casamento.

“A intenção não era reunir as fotos mais bonitas ou as mais relevantes, e sim as que demonstrassem acontecimentos importantes da vida dele”, conta o designer, que reuniu o material com base em conversas com a família e com o próprio Zendron sobre o passado e as histórias do fotógrafo.

Leia também:
Terça-feira amanhece com 7ºC em Brusque, porém frio mais forte está por vir

Prefeitura devolverá R$ 500 mil para o governo federal após desistir de projeto

O livro remonta momentos marcantes da vida de Zendron, desde o casamento de seus pais em 1920; o período em que serviu no Tiro de Guerra, em 1948; sua participação nos time do Paysandú e no Floriano de Novo Hamburgo, nas décadas de 1940 e 1950; até o nascimento dos filhos e retratos de família em viagens de férias, natais e datas comemorativas. Além destas, constam também algumas fotografias da cidade, relatando o cotidiano de Brusque, e imagens de jogos de futebol que ele fotografava.

Imagens de eventos em família, como o aniversário dos filhos, fazem parte do livro. | Foto: Arquivo Pessoal
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio