Atletas de Brusque representam Santa Catarina em etapa nacional dos Jogos Escolares

Competidores das escolas Feliciano Pires, Santa Terezinha e Francisco Araújo Brusque e dos colégios Cultura e Cônsul Carlos Renaux já deram seus primeiros passos na competição em Fortaleza

Atletas de Brusque representam Santa Catarina em etapa nacional dos Jogos Escolares

Competidores das escolas Feliciano Pires, Santa Terezinha e Francisco Araújo Brusque e dos colégios Cultura e Cônsul Carlos Renaux já deram seus primeiros passos na competição em Fortaleza

A etapa nacional dos Jogos Escolares começou, e alguns atletas brusquenses que representam Santa Catarina deram seus primeiros passos na competição, enquanto outros já obtiveram medalhas. No calor de Fortaleza, no Ceará, competidores das escolas Feliciano Pires, Santa Terezinha e Francisco Araújo Brusque e dos colégios Cultura e Cônsul Carlos Renaux suam a camisa para orgulhar o município. Ao todo, 15 atletas brusquenses, todos entre 12 e 14 anos, defendem o estado catarinense no Nordeste do Brasil. A competição é organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB).
Medalhas na natação

Valeu a pena para Santa Catarina apostar na nadadora brusquense Lara dos Santos, do Colégio Cônsul Carlos Renaux. A atleta fez valer a sua chance em Fortaleza e volta agora para a casa com medalhas em quatro provas diferentes. Lara faturou bronzes nos revezamentos 4×50 metros livre e medley e também no 4×100 livre. A atleta também se destacou individualmente, com bronze nos 50 metros borboleta.

‘No gás’

O tempo de comemorar o título inédito da etapa estadual dos Jogos Escolares da Juventude já passou, e agora as atletas de voleibol do Colégio Cultura focam em um desafio ainda maior que iniciou ontem para a modalidade: A versão nacional da competição.

O grupo de dez atletas, mais o treinador Everton do Nascimento, já está em Fortaleza e venceu o primeiro desafio. Jogando contra Rio Grande do Sul, representado pelo Colégio Martin Luther, o Cultura venceu por 2 sets a 0, com parciais de 25 a 13 e 25 a 8. Agora, o grupo está empatado na liderança do grupo A, ao lado de Minas Gerais, que derrotou Tocantins na tarde de ontem também por 2 a 0. Hoje, às 11h30, o grupo catarinense enfrenta as tocantinenses, e amanhã, no mesmo horário, o duelo é com Minas.

Menos de um mês se passou entre o título conquistado em Caçador, no dia 9 de agosto, e a viagem até Fortaleza para representar Santa Catarina nos Jogos Escolares. Essa folga curta, no entanto, não foi lamentada pelas atletas, e sim comemorada. Para Gabriela Waldrigues, a equipe está ainda mais preparada. “Vamos estar no gás para essa competição. É melhor assim”, comenta.

Na sexta-feira, as atletas, que são da equipe Mirim da Abel/Havan/FME fizeram um dos últimos treinos antes da viagem. O grupo Infantil ajudou, sendo adversário em quadra. Segundo Nascimento, esse é um dos pontos positivos do plantel. “Apesar de sermos divididos em categorias, todos nos ajudamos. Sabemos que os objetivos são os mesmos. Por isso, é um trabalho verdadeiramente de equipe”, diz.

Judô e atletismo
Encerraram no último fim de semana as modalidades de judô e atletismo, as quais atletas brusquenses participaram representando Santa Catarina. Correndo nos 1 mil metros rasos, Jéssica Heloise Soares, de apenas 12 anos, terminou na 12ª posição. No judô masculino, Germano Bianchini, do Cultura, e Lucas Burg, do Santa Terezinha, também competiram. Bianchini venceu duas de quatro lutas, mas acabou eliminado. Na soma geral, Santa Catarina avançou para a segunda fase, mas foi eliminada pelo Distrito Federal. Até o fechamento da matéria, a reportagem não teve acesso ao desempenho de Lucas.
No naipe feminino, o estado não passou da primeira fase. As atletas Amanda de Oliveira e Maria Eduarda Anacleto completaram a delegação.

 

Participação de destaque

Nesta edição, a delegação catarinense tem a missão de se sair tão bem ou até melhor do que no ano passado nos Jogos Escolares. Na edição de 2014, em Londrina, Santa Catarina conquistou o recorde de medalhas: 41 no total. Foram 14 de ouro, 16 de prata e 11 de bronze. Em Fortaleza serão disputadas 13 modalidades: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio