Banda brusquense Morenas Azuis realiza turnê no Rio Grande do Sul

Além dos shows em solo gaúcho, o trio também gravará o segundo álbum autoral em Porto Alegre

Banda brusquense Morenas Azuis realiza turnê no Rio Grande do Sul

Além dos shows em solo gaúcho, o trio também gravará o segundo álbum autoral em Porto Alegre

Formada em janeiro de 2013, a banda brusquense Morenas Azuis realizará, a partir desta sexta-feira, 15, uma turnê por três municípios do Rio Grande do Sul. A presença do grupo em solo gaúcho contará ainda com a gravação do segundo disco autoral. Ainda sem nome, o álbum será composto por nove músicas.

Os três integrantes da banda viajaram a Porto Alegre na quarta-feira, 13 – data em que também iniciaram as gravações do CD nos estúdios Hill Valley e MusicBox. A primeira apresentação da banda, por outro lado, será hoje no Radar – programa exibido pela emissora TVE e referência no cenário cultural e musical do estado.

No mesmo dia, depois da participação no Radar, a banda segue para Sapucaia do Sul, onde realiza o primeiro show da turnê “Pampa Rock Tour 2016”. Além de Sapucaia e de Porto Alegre, o município de Esteio também receberá o trio brusquense. (Confira no destaque as datas e os locais dos shows).

“Nós já havíamos tocado no Rio Grande do Sul em agosto do ano passado. Fomos em Esteio e em Gravataí. O público gaúcho é muito receptivo. Lá, há muitas pessoas que gostam do punk rock, que é o nosso estilo musical. Então, eles comparecem e curtem bastante. Nós tivemos um feedback bacana depois das apresentações que fizemos lá”, afirma o baixista do Morenas Azuis, Fabio Pioczkoski, o Pio.

Gravações

Para gravar o segundo álbum da banda, os integrantes passarão nove dias em Porto Alegre. Davi Pacote, ex-baixista da banda gaúcha Tequila Baby e atualmente guitarrista da banda Os Torto, será o produtor do CD. Além dele, o também ex-integrante do Tequila Baby, Otto Branco, deverá fazer participações em algumas músicas.

“Nós temos amigos em Porto Alegre há mais de dez anos. O primeiro CD também gravamos lá. Então fluiu naturalmente para esse segundo. Como o Davi entende bastante sobre o mesmo estilo musical que nós tocamos, tudo fica mais fácil e a química é melhor”, afirma pio.

Ainda segundo o baixista do Morenas Azuis, o CD será gravado de forma independente com o dinheiro que os integrantes depositam mensalmente em uma conta. Além disso, os cachês dos shows também serão utilizados.

“Não há como vivermos só da música. Nós tocamos porque gostamos. É como um hobby. Há pessoas que se juntam para jogar futebol ou praticar outras atividades, nós nos juntamos para ensaiar, se apresentar e gravar”, diz.


Pampa Rock Tour 2016

15 de abril – Apresentação com transmissão ao vivo no programa Radar da TVE, em Porto Alegre (Para assistir pela internet basta acessar www.tve.com.br/tve-ao-vivo , às 18h30)
15 de abril – Show no Holiday Estúdio Pub, em Sapucaia do Sul
16 de abril – Show na Frankenhaus Tavern, em Porto Alegre
17 de abril – Show no Grito Rock Esteio, em Esteio


Músicas que integrarão o novo CD do grupo

  • Quem sou?
  • Gente
  • Círculos
  • O que?
  • Medo de mim
  • Vai a vida
  • Pátria armada
  • Anseios
  • Cuidado

A banda

O Morenas Azuis é composto por Lucas Rhuan (vocal principal e guitarra), Renan Wust (vocal e bateria) e Fabio Pioczkoski, o Pio (vocal e baixo). Nos 18 primeiros meses de formação da banda, os integrantes apenas ensaiavam e produziam as músicas. Após estrearem nos palcos, no início de 2014, eles gravaram o primeiro disco. O trio também conta com dois videoclipes: “Sortudo” e “Óbvio”, ambos disponíveis no Youtube.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio