Bandeirinha catarinense comete erros e acaba na “geladeira”

Fernanda Colombo Uliana esteve em ação na partida do Bruscão contra o Atlético de Ibirama no Augusto Bauer

Bandeirinha catarinense comete erros e acaba na “geladeira”

Fernanda Colombo Uliana esteve em ação na partida do Bruscão contra o Atlético de Ibirama no Augusto Bauer

A bandeirinha catarinense Fernanda Colombo Uliana errou feio nas duas partidas que fez logo após passar a integrar o quadro de aspirantes da Fifa. Fernanda, que chegou a fazer dois jogos do Brusque nesta temporada no Augusto Bauer, cometeu erros crassos e acabou, com justiça, ‘na geladeira’. Apesar disso, os erros não justificam tamanha repercussão e as manchetes nacionais destinadas ao caso, sobretudo o massacre público de atletas e dirigentes. No jogo entre São Paulo e CRB, os equívocos não modificaram o resultado da partida (vitória tricolor 3 a 0), mas no clássico mineiro, um deles foi fundamental para impedir que o Cruzeiro alcançasse um provável empate. No primeiro caso, foi fuzilada pelo técnico Muricy Ramalho. Este disse: “Ela é bonitinha, mas tem que apitar melhor”. No outro, foi esculachada pelo diretor de futebol do clube mineiro, Alexandro Matos. “Se é bonitinha, que vá trabalhar para a playboy. Não apitar futebol”. Fernanda carrega o peso nos ombros de ser uma mulher bonita. Não à toa ficou rapidamente conhecida no cenário catarinense e nacional como a ‘musa da arbitragem’. As belas curvas da moça chamam a atenção. Mas, além da admiração, trazem também mais responsabilidade. O erro de Fernanda pesa mais que o das demais. Assim como os de Ana Paula de Oliveira em 2007. Esta última teve a carreira precocemente ‘encerrada’ em razão do polêmico jogo entre Botafogo e Figueirense, quando prejudicou o time carioca nas semifinais da Copa do Brasil. Assim como no caso de Ana Paula, Fernanda recebe criticas associadas diretamente à sua beleza. Muitas delas repletas de machismo. Por ser uma ‘musa’ não pode se dar ao direito de errar. Como se os ‘atributos de beleza’ necessariamente tivessem que refletir dentro das quatro linhas. Feia ou bonita, Fernanda é só mais uma mulher, que deveria ser tratada, antes de tudo, como profissional.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio