Bruscão definido para a estreia diante do Figueirense

Com novidades na meia-cancha, Pingo já tem os 11 que iniciam o jogo na capital

Bruscão definido para a estreia diante do Figueirense

Com novidades na meia-cancha, Pingo já tem os 11 que iniciam o jogo na capital

O Brusque já está definido para a estreia deste sábado no Catarinense diante do Figueirense. Os 11 jogadores que devem iniciar jogando foram relacionados no coletivo desta quarta-feira, 22 de janeiro, comandado pelo técnico Pingo e o auxiliar João Bandoch. 

Interatividade

O treino ocorreu no CT Rolf Erbe. Wanderson; João Neto (Iury), Cleyton, Néris e Gilton; Eurico, Tarcísio, Eliélton e Aldair; Kiko e Eydison. Essa é a formação que entra em campo às 17h no Orlando Scarpelli. A única dúvida na equipe é João Neto, que ainda não teve a documentação regularizada. O treinador espera até amanhã para saber se poderá contar com o atleta. Caso o lateral-direito não esteja disponível, Iury joga em seu lugar.

Surpresa
A grande novidade na escalação foi a entrada de Tarcísio no time titular. Ele ganhou o lugar do experiente meia Serginho. O último atleta, remanescente da Divisão Especial, vinha treinando desde o início entre o grupo de titulares. 

Segundo Pingo, a escolha ajudará a equipe a ganhar mobilidade na meia-cancha, mas não deve mudar a característica do time. “O Tarcísio é um jogador ágil, de boa marcação. A característica é parecida, mas ele é um pouco mais ágil que o Serginho. Creio que terá um papel muito importante na equipe”.

No meio, Aldair ganhou a concorrência com Rafael Bitencourt e segue no time. O meia-atacante foi bastante elogiado por Pingo por sua facilidade de chegar ao ataque com qualidade. Durante os treinamentos desta quarta-feira, o atleta foi um dos destaque da atividade chegando como terceiro homem de frente ao lado de Eydison e Kiko. “O Aldair hoje é um jogador rápido, de muita mobilidade na transição”.

O atleta  – que vinha jogando como atacante no Joinville – diz não ter preferência em relação ao posicionamento no campo. Ele lembra que começou a jogar nesta posição justamente quando o atual treinador quadricolor esteve è frente do JEC. “Quem me subiu para o profissional, como meio campo, foi o Pingo. Ele já me conhece e sabe que se precisar no meio ou de atacante estou à disposição”.
O adversário
O Figueirense treinou nesta quarta-feira no Estádio Orlando Scarpelli, quando a equipe realizou o segundo coletivo na semana. O técnico Vinícius Eutrópio parou as atividades em alguns momentos para corrigir erros de posicionamento. O volante Marcos Assunção, que aprimora a parte física, apenas correu em volta do gramado. Ele deve ficar à disposição somente a partir da terceira rodada. 

O volante Paulo Roberto, um dos destaques da temporada passada, concedeu entrevista à imprensa após a atividade. Ele elogiou a preparação alvinegra e diz que a equipe chega forte para conseguir os três pontos diante do quadricolor. “Vamos buscar uma vitória na estreia. 

Para mim está sendo muito importante participar de uma pré-temporada completa”. O Figueirense ainda realiza mais dois treinamentos antes da partida. O primeiro acontece hoje, às 09h30, no CFT do Cambirela, em Palhoça. A última atividade será amanhã, no mesmo horário, desta vez no Orlando Scarpelli, quando Eutrópio define o time que enfrenta o Brusque.

Ingressos
Os ingressos para a partida entre Brusque e Figueirense começam a ser vendidos hoje nas bilheterias do estádio Orlando Scarpelli. Os bilhetes mais baratos para a torcida local e visitante saem ao custo de R$ 60 para o setor descoberto do estádio. A arquibancada coberta, disponível à torcida do Figueirense, custa R$ 120. Em ambos os casos o torcedor pode optar pelo meio-ingresso.

Jogos em casa
Para os jogos do Brusque no Augusto Bauer, a diretoria quadricolor ainda não definiu o valor dos bilhetes. Segundo André Rezini, a expectativa é de que o clube anuncie o preço das entradas até amanhã. Segundo ele, o valor não deve sofrer alterações significativas em relação a temporada passada. Em 2013, os ingressos da geral foram disponibilizados aos custo de R$ 20. As cadeiras descobertas saíram a  R$ 30. Para o setor coberto do estádio o torcedor teve que desembolsar R$ 40.

Estádio
O estádio Augusto Bauer é o único que ainda não foi liberado para receber jogos do Catarinense. Na última terça-feira, o estádio do Sesi, em Blumenau, recebeu o aval da Polícia Militar. Segundo o diretor de base do Brusque FC, Maurino Cazagrande, o Casão, a documentação do clube sequer foi avaliada pela PM. “Como só jogaremos a partir da terceira rodada em casa, a expectativa é de que a liberação saia somente na semana que vem”.

Excursão
A torcida Força Independente fretou um ônibus para a estreia do Brusque no Catarinense. Até o início da noite de ontem ainda haviam vagas disponíveis. O torcedor que quiser acompanhar a partida no Orlando Scarpelli pode entrar em contato com o presidente da organizada, Rafael Roncaglio, o Puff, através do telefone: 9140-2174. O custo da viagem é de R$ 20.
Novo uniforme
O Brusque apresentou ontem a nova camisa do clube para a temporada de 2014. A expectativa da diretoria é de que a peça esteja disponível nas principais lojas esportivas da cidade em dez dias. O valor cobrado deve ficar na faixa de R$ 69,90.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio