Bruscão vive rotina intensa de preparação para o Catarinense 2014

Foco destas primeiras semanas é a parte física

Bruscão vive rotina intensa de preparação para o Catarinense 2014

Foco destas primeiras semanas é a parte física

Os atletas do Brusque viveram a primeira semana de treinamentos visando a Série A do Campeonato Catarinense de forma intensa. O foco foi a parte física sob comando do preparador George Castilhos. O último treino antes do Natal será realizado na tarde deste domingo, 22 de dezembro, e a reapresentação da equipe está marcada para quinta-feira, 26 , às 15h30.

Galeria

Castilhos relatou que esta fase é conhecida como “período de choque”. “É uma semana difícil para todo atleta, pois ele vem de uma parada. Nesta etapa, podemos dar aos jogadores uma carga maior de treinos para fazer uma boa base para a competição”. As atividades envolvem a parte cardiovascular, potência, resistência de força e funcional, e serão realizadas com intensidade por mais uma semana após o retorno dos atletas.

Os atletas, que treinaram durante dois períodos diários, corresponderam bem a carga de exercícios, como afirmou o lateral-direito Iury. “Esta semana foi muito proveitosa, mas também cansativa. Porém, todo mundo sabe que o início da pré-temporada é sempre mais desgastante e que isto será bom quando iniciarem os jogos”.

Já o meia Serginho, um dos remanescentes da temporada deste ano, destacou a qualidade da comissão técnica e o tempo de preparação para o sucesso do trabalho. “Conheço eles muito bem. Tive dois acessos pelo Juventus sob comando desta comissão. Neste ano, vamos dar o nosso máximo, até porque começamos bem antes do que os considerados clubes grandes”, diz. “Teremos um período muito bom de treinamentos para que possamos estar bem física e tecnicamente e largarmos bem e na frente dos nossos adversários”, concluiu o jogador.
Próximos passos

O técnico Pingo disse que o início dos trabalhos está como previsto, mas que apenas terá ideia de como a equipe está a partir da próxima semana. “Teremos uma noção mais completa e detalhada quando começaremos a trabalhar a parte tática e técnica. Então, vamos ver o que necessitamos e o que precisa ser melhorado”.

A diretoria ainda está atrás de, pelo menos, dois reforços que, segundo o técnico, ainda não há nomes para ocuparem as vagas. “Vamos ter tempo e tranquilidade, até porque não podemos errar. Vamos colocar alguns nomes na mesa e ver a necessidade”. O assunto será levantado após o Natal.


>> Acompanhe a matéria completa na edição impressa do MDD desta segunda-feira, 23 de dezembro

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio