Brusque tenta terceira vitória consecutiva no Catarinense contra a Chapecoense

Equipe tem dúvidas, reforços e retornos para encarar os reservas da Chape neste sábado, 9

Brusque tenta terceira vitória consecutiva no Catarinense contra a Chapecoense

Equipe tem dúvidas, reforços e retornos para encarar os reservas da Chape neste sábado, 9

Depois de duas vitórias, o Brusque encara mais um grande desafio na noite deste sábado, 9, pelo Campeonato Catarinense. Diante do quadricolor estará a sempre competitiva Chapecoense. Ao que tudo indica, o Verdão do Oeste deve apostar em uma equipe reserva, já que disputará Copa do Brasil na próxima semana, além de os titulares virem de uma viagem do Chile, onde jogaram contra o Unión La Calera, pela Copa Sul-Americana.

Nem por isso, representa menos perigo ao time de Marcelo Caranhato. O mesmo elenco reserva já venceu na última rodada a equipe do Hercílio Luz por 2 a 1. Caso vença, o Bruscão pode chegar ao G-4, precisando torcer para que Avaí ou Marcílio Dias tropecem em seus compromissos.

A partida será às 19h, no estádio Augusto Bauer, válida pela sexta rodada do estadual.

Montando o time
Para a partida, o Brusque tem um desfalque, um retorno e uma dúvida. O desfalque é o goleiro Zé Carlos, que agora acompanha o volante Mineiro como atleta que não joga mais este Campeonato Catarinense – o arqueiro fraturou o osso ulna, do antebraço, fará cirurgia nesta segunda-feira, 11 e ficará 90 dias fora dos gramados, conforme explicou o médido do clube, doutor André Karnikowski.

O retorno é importante para a equipe. Após cumprir a suspensão do cartão vermelho sofrido em Criciúma, Hélio Paraíba, artilheiro do estadual está de volta ao time e deve começar com a titularidade. Já a dúvida é quanto a Ianson. O zagueiro sentiu desconforto, já não atuou na última rodada e pode seguir fora de campo.

Além disso, o técnico Caranhato conta com possíveis reforços no banco de reservas. O meia Vitor Junior e o zagueiro Cleyton treinaram com bola durante a semana, e podem ser opções para o comandante. Alívio para Cleyton, xerifão que já está há sete anos no Brusque. “Muito feliz de estar de volta. Infelizmente tive uma lesão, fiquei bastante tempo fora, mas agora retorno. O ambiente está bom, principalmente após as vitórias”.

Segundo ele, o esquema de Caranhato vem valorizando o setor defensivo. “Isso é bom, porque os resultados vieram. A defesa está consolidada, mas o ataque também é eficaz, tanto que nestes últimos três jogos fizemos gols em todos. É um método novo que aceitamos, implantamos e está dando certo”.

Jogar contra uma equipe reserva não reduz a preocupação do técnico. Segundo Marcelo, é possível que o desafio seja ainda maior. “O time reserva passa por um momento probatório, tanto pela torcida quanto pelo próprio técnico, então eles querem mostrar qualidade”.

Caranhato já afirmou que deve manter a equipe, com exceção de Zé Carlos. Contudo, Maranhão estreou bem no último fim de semana. A possível equipe que enfrenta a Chape conta com: Paulo Sérgio; Edilson, Douglas Silva (Ianson), Neguete e Airton; Ruan e Zé Mateus (Karl); Clebinho, Weverton (Maranhão) e Jefferson Renan; Hélio Paraíba.
Estão pendurados Hélio Paraíba e Ianson.

Como vem o adversário
A Chape deve repetir a mesma escalação de grupo reserva que enfrentou – e venceu – o Hercílio Luz. A equipe deve contar com: Ivan; Eduardo, Joilson, Hiago e Roberto; Tharlis, Augusto César e Yann Rolim; Alan Ruschel, Julio César e Everaldo.

Confira a partida em tempo real
A partida entre Brusque e Chapecoense, válida pelo Campeonato Catarinense, terá cobertura em tempo real pela internet, diretamente do estádio Augusto bauer. Para acompanhar todos os lances, basta acessar omunicipio.com.br. A cobertura começa a partir das 18h30.