Brusque vence Hercílio Luz e assegura vaga definitiva no quadrangular

Marreco chegou aos 36 pontos na classificação geral e não fica fora do G4 mesmo que perca pontos no STJD

Brusque vence Hercílio Luz e assegura vaga definitiva no quadrangular

Marreco chegou aos 36 pontos na classificação geral e não fica fora do G4 mesmo que perca pontos no STJD

O Brusque superou o Hercílio Luz e garantiu definitivamente sua participação no quadrangular final da Divisão Especial. A vitória por 2 a 0, gols de Eydison e João Paulo, um em cada tempo, deixaram o Marreco com  36 pontos na classificação geral da competição. 

Mesmo que perca seis pontos por supostamente ter escalado um jogador irregular, o time não pode mais ser ultrapassado por Imbituba e Caçador, ambos com 23 pontos, hoje na quinta e sexta colocação, respectivamente. Na pior das hipóteses, caso seja condenado em julgamento, com data já marcada para quinta-feira (29), no STJD/RJ, o Marreco entra na fase final pelo índice técnico.

O jogo
O Brusque entrou em campo disposto a fazer o resultado diante de um adversário que não brigava por mais nada na competição. O time imprimiu um ritmo forte e logo aos sete minutos abriu o placar com Eydison. O atacante recebeu cruzamento na segunda trave e tocou de cabeça para marcar. Foi o sétimo do artilheiro na Divisão Especial.

Dois minutos depois, ele quase marcou o segundo. O jogador aproveitou boa jogada de Santos e tentou de voleio, mas não conseguiu ampliar. O Hercílio respondeu na sequência, mas Fabão fez defesa segura. Aos 15 minutos, Luiz André passou por dois marcadores e tocou para Eydison livre, mas o atacante estava impedido.

O Marreco diminuiu o ritmo a partir dos 25 minutos, mas não chegou a sofrer perigo do adversário. As poucas oportunidades do Hercílio Luz eram em bolas paradas. O quadricolor ainda teve oportunidades de ampliar antes do intervalo. A principal delas com Eydison, aos 44 minutos, mas o atacante cabeceou por cima da meta de André.

Etapa final
O time voltou para o segundo tempo imprimindo o mesmo ritmo da primeira etapa, e novamente no começo chegou ao segundo gol. Em cruzamento na área, a bola passou por todo mundo, Eydison ainda tentou de letra, a bola bateu no goleiro André e, na dividida de João Paulo com Léo Breno, o lateral chutou e o zagueirão praticamente entrou com bola e tudo.

O gol deu tranquilidade ao Marreco, que passou a tocar a bola e administrar o placar sem correr riscos atrás. O Hercílio Luz fez mudanças ofensivas para tentar diminuir, mas elas não fizeram efeito na equipe de Tubarão.

 Aos 25 minutos, Rogério Perrô resolveu poupar Serginho para a entrada de Thiago Ferreira. Dez minutos depois, Roberto Jacaré entrou na vaga de Santos. O Hercílio tentou diminuir em cruzamento perigoso na área, mas Luiz André afastou pela linha de fundo. Aos 38 minutos, Eydison teve a oportunidade de fazer o terceiro para o Brusque, mas isolou. Roberto Jacaré aparecia livre ao lado do jogador. O primeiro ainda foi substituído antes do fim da partida para a entrada de Cidinho. 

O próximo compromisso do Brusque será domingo, contra o Caçador, fora de casa. Será a última partida do Marreco antes da disputa do quadrangular final. O único desfalque para o duelo será o zagueiro Negueti. Ele forçou o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão.

Acompanhe a cobertura completa do jogo e a classificação da Divisão Especial na edição impressa do MDD desta segunda-feira, 26 de agosto.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio