Brusquense morre e outro fica ferido em grave acidente na BR-470, em Indaial

Camionete capotou e caiu em matagal na manhã desta terça-feira, 3

Brusquense morre e outro fica ferido em grave acidente na BR-470, em Indaial

Camionete capotou e caiu em matagal na manhã desta terça-feira, 3

O representante comercial Everaldo Batista, o Xineca, 47 anos, morreu em acidente de trânsito no km 78 da BR-470, em Indaial, na manhã desta terça-feira, 3. Além dele, o gerente de vendas Rodrigo Klann, 41, estava na camionete Hyundai Santa Fe com placas de Brusque.

Eles faziam uma viagem profissional pela empresa têxtil Sancris em direção ao município de Apiúna. As vítimas trabalhavam juntas há cerca de 25 anos. O trajeto fazia parte do roteiro habitual para visitas de clientes.

No momento do acidente, que aconteceu por volta das 10h40, Xineca fazia uma ultrapassagem quando colidiu com um caminhão. Com a batida, que teria sido leve, o carro saiu da pista e chocou-se com uma árvore. O relato é do tenente Jefferson Luiz Machado, do Corpo de Bombeiros.

Os socorristas encontraram Batista em parada cardiorrespiratória, preso às ferragens. Ele chegou a ser reanimado, mas não resistiu aos graves ferimentos. O motorista do caminhão saiu ileso.

Equipes dos Bombeiros Voluntários de Indaial e do Samu, com apoio do helicóptero Arcanjo-03, atenderam a ocorrência. A Polícia Rodoviária Federal também esteve no local.

Velório e sepultamento
O velório será realizado na capela mortuária do Guarani a partir das 22h desta terça-feira. Já o sepultamento será às 15h de quarta-feira, 4, no cemitério do bairro.

O Colégio Cônsul Carlos Renaux emitiu nota oficial lamentando a morte. Ele era marido da professora Fernanda Stofella Batista e pai de três alunos da instituição.

Projeto interrompido
Paralelo às atividades profissionais, Batista era reconhecido pelo estímulo à prática esportiva. Ele era presidente da Associação de Triathlon de Brusque (Atribrusque), cargo o qual exerceu por mais de dois anos. Ele estava na entidade desde a fundação.

“Foi um grande incentivador do esporte e um amigo. Me abalou bastante saber do acidente. Era uma pessoa muito querida por todos”, diz José Armando Vasquez Soto, o Bay, com quem ele treinou natação durante 15 anos.

Os treinos ocorriam três vezes por semana. Batista se preparava para uma prova de quatro quilômetros em mar aberto, que será realizada no próximo domingo, em Governador Celso Ramos. Na segunda-feira, 2, houve o último teste de tempo.

Relato de um sobrevivente
Após o acidente, Klann foi encaminhado ao Hospital Beatriz Ramos, em Indaial, com escoriações leves, foi avaliado e recebeu alta no início da tarde. Ele havia saído do veículo sem ajuda.

Em áudio que circulava nas redes sociais, o sobrevivente dá detalhes sobre o caso. Segundo ele, o motorista tentou desviar da lateral do caminhão, mas acabou tocando no acostamento. No choque com a árvore, o teto do carro foi arrancado.

Segundo o relato, no momento do acidente, eles estavam em uma reta e foram ultrapassar dois caminhões. “Tinha pista de sobra para ultrapassar, quando tínhamos passado o primeiro e estávamos quase terminando o segundo, o cara jogou a cabine contra a gente”.

Cerca de dois quilômetros antes do local do acidente, eles haviam parado para tomar café em um posto de combustíveis e abastecer.

Assista ao vídeo do resgate das vítimas:

**Atualizado às 21h

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio