Brusquenses faturam três títulos no Catarinense de Gaiola Cross

Thiago Gomes Nazário, Paulo Gomes Nazário e Graziela Lang conquistam troféu geral em suas categorias

Brusquenses faturam três títulos no Catarinense de Gaiola Cross

Thiago Gomes Nazário, Paulo Gomes Nazário e Graziela Lang conquistam troféu geral em suas categorias

Brusque emplacou nada menos que três campeões gerais no Campeonato Catarinense de Gaiola Cross após o encerramento de oito etapas ao longo do ano. O município provou ser um celeiro de atletas da velocidade, que precisaram de determinação para levantar o troféu na última fase, realizada na cidade de Imbuia, no Vale do Itajaí. O evento envolveu mais de 60 pilotos divididos em sete categorias diferentes.

O pequeno município de menos de 6 mil habitantes viu os irmãos brusquenses Thiago Gomes Nazário e Paulo Gomes Nazário soltarem o grito de campeão, além da pilota Graziela Lang, representando as mulheres na categoria Batom. Thiago, da classe Iniciantes Água, ainda fez dobradinha com o conterrâneo Lucas Henrique Lang, a exemplo do irmão, que subiu ao pódio junto com o também brusquense Lucas Crespi na Aspiradas. De Brusque também foi o segundo colocado da Turismo, o também piloto de bicicross Everton Munch.

Em família

gaiola 2
Veículo foi construído pelos próprios irmãos, junto com o pai. Foto: Divulgação

A vitória de Thiago e Paulo envolveu diretamente a família. Foi a própria dupla que construiu a única gaiola, dividida entre os dois durante a competição. Para ajudar a fazer o veículo, os irmãos recorreram à experiência do pai, Albertino Nazario. Os três são mecânicos, e aproveitaram as horas de folga para trabalhar no projeto Gaiola Cross.

Como explica o próprio Thiago, não é fácil dividir um veículo e mantê-lo em funcionamento até o fim. “O equipamento acaba quebrando por excesso de uso e prejudicando as corridas, como já aconteceu em provas passadas”, diz. Como as corridas das categorias são separadas por apenas 30 minutos, muitas vezes não há tempo de realizar os reparos necessários.

Além de conseguir manter o carro até o fim, o que ajudou a dupla foi a regularidade nas etapas. Thiago conseguiu ser campeão com uma prova de antecipação, ou seja, não precisou participar do desafio em Imbuia e poupou o veículo para que Paulo pudesse usar com tranquilidade. A estratégia deu certo, e o irmão de Thiago também conquistou o título.

A dupla recebeu o apoio de Tecnauto Centro Automotivo, Naza Injetores, Milani Pneus, VBN, Coremma e Pézão Estruturas Automotivas.

 

 

 

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio