Buettner continua operando como massa falida

Recurso da suspensão da falência foi negado nesta quinta-feira, 15 de março

Buettner continua operando como massa falida

Recurso da suspensão da falência foi negado nesta quinta-feira, 15 de março

Buettner continua operando como massa falida – Crédito: Sarita Gianesini
O efeito suspensivo da sentença que decretava a falência da Buettner S.A. foi negado pelo Tribunal de Justiça de Florianópolis. O administrador judicial da falência da Buettner S.A. Gilson Amilton Sgrott, explica que neste momento a empresa continua operando, com o adendo de ‘massa falida em continuidade’ ao nome. 

– O que foi decidido agora é uma análise preliminar do recurso, que chamamos de decisão monocrática. Essa análise preliminar avalia alguma coisa do mérito e o pedido de efeito suspensivo (da falência).
 
Sgrott explica que a desembargadora que analisou o recurso, considerou que o caso da Buettner é de falência e não suspendeu a decisão que a decretou em 28 de fevereiro de 2012. 

– É uma análise prévia do mérito não definitiva, porque a decisão final vai para uma câmara de desembargadores.

O administrador acrescenta que diante deste fato, o representante dos acionistas João Marchewsky, deve ser afastado da empresa. No entanto, a atual diretoria continua operando. 

** Confira na edição impressa do MDD de segunda-feira, 19, mais informações sobre a falência da Buettner.   
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio