Caçambas sem cobertura serão autuadas a partir de julho

Antes, prefeitura deve adequar seus caminhões e instalar lonas

Caçambas sem cobertura serão autuadas a partir de julho

Antes, prefeitura deve adequar seus caminhões e instalar lonas

A partir de julho, as caçambas sem cobertura de proteção serão autuadas em Brusque. A informação é de Adalberto Zen, secretário da Defesa do Cidadão.

Zen também explica que, inicialmente, a Guarda de Trânsito de Brusque (GTB) realizará uma campanha de caráter educativo. Só a partir do próximo mês, as empresas que transportarem cargas a granel sem a devida cobertura serão autuadas. 


Entre as caçambas que circulam sem coberturas pelo município estão as que pertencem à frota da Prefeitura de Brusque, que deve instalar em todos os veículos as lonas de proteção para cargas soltas. 

– Vamos distribuir ofícios para as empresas de terraplenagem, orientando a este respeito. Não podemos autuar as pessoas por aí se a Prefeitura não usa – adianta Zen. 

O secretário detalha que a punição para empresas que derramarem resíduos sobre a via pública é feita com base no artigo 231 do Código de Trânsito Brasileiro. A  punição para infração é multa gravíssima. Para as empresas privadas que não indicarem o condutor do veículo, pode haver uma segunda multa. 

Zen recorda que o Código de Trânsito é um só, para rodovia ou para cidade, e complementa explicando que o objetivo é estabelecer que todos os caminhões usem a lona de proteção. 

**Na edição de sexta-feira, 15, confira os flagrantes de caminhões circulando pela cidade com a lona de proteção recolhida e saiba a opinião de pedestres e motoristas. 
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio