Câmara de Vereadores de Guabiruba realizará sessão no bairro Aymoré nesta terça-feira, 29

A ideia é promover discussões entre parlamentares e moradores sobre problemas das comunidades

  • Por Redação
  • 10:40
  • Atualizado às 13:11

Câmara de Vereadores de Guabiruba realizará sessão no bairro Aymoré nesta terça-feira, 29

A ideia é promover discussões entre parlamentares e moradores sobre problemas das comunidades

  • Por Redação
  • 10:40
  • Atualizado às 13:11
  • +A-A

A partir de março, os moradores de Guabiruba poderão estreitar os laços com o legislativo. O motivo é a aprovação, por unanimidade, do projeto de lei que dispõe sobre a chamada Câmara Itinerante, programa que promove reuniões entre os vereadores e os moradores nos bairros do município.

A primeira reunião itinerante ocorrerá no dia 29 de março, no bairro Aymoré, nas dependências da Sociedade Recreativa Aymoré, na rua Grunerwinkel, s/n, com início às 19h.

Em maio, será a vez dos bairros Lageado Alto e Lageado Baixo receberem a reunião. Em seguida, em agosto, Guabiruba Sul e Planície Alta também entram no cronograma. O bairro São Pedro, por sua vez, encerra o ciclo em novembro.

O presidente da Câmara explica que o projeto tem como principal objetivo aproximar os moradores e os vereadores. Com as reuniões, prevê Santos, os problemas dos bairros poderão ser solucionados.

“A ideia é que a comunidade participe e tenha contato com os vereadores. E que os vereadores tenham contato com a realidade dos bairros. As reuniões serão direcionadas para os problemas dos bairros. Os vereadores e os moradores poderão entrar em consenso sobre como solucionar os problemas”, afirma.

De acordo com Santos, durante a reunião, o presidente da associação de moradores ou um representante do bairro terá um espaço para se pronunciar. Após o pronunciamento, os outros moradores também deverão se manifestar.

“Existe a possibilidade do presidente abrir espaço para os moradores para que eles questionem algum vereador ou exponham algum problema”, diz. “Com esse trabalho esperamos que população também se envolva na política e veja a importância de se tornar parte desse processo”, completa.

As convocações para as reuniões começam 30 dias antes da data do encontro. Santos diz que serão distribuídos convites nas escolas, nas igrejas e em outros pontos dos bairros. Ele lembra também que a presença dos vereadores não é obrigatória. Entretanto, como as reuniões ocorrerão nas terças-feiras, ele espera que os vereadores compareçam.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
+