Central de Agendamentos da Policlínica deve otimizar marcação de consultas e exames

Paciente não precisará voltar à sua Unidade Básica de Saúde para agendar o retorno ao especialista

Central de Agendamentos da Policlínica deve otimizar marcação de consultas e exames

Paciente não precisará voltar à sua Unidade Básica de Saúde para agendar o retorno ao especialista

A Central de Agendamentos da Policlínica começa a funcionar no próximo mês na praça da Cidadania e deve otimizar o tempo dos pacientes de Brusque que querem marcar seus exames e buscam um retorno ao médico. A expectativa da Secretaria de Saúde é de que cerca de 5 mil pessoas sejam atendidas todos os meses.

“Temos 28 unidades de saúde e sempre que o paciente procura um médico, dependendo do problema, é encaminhado a um especialista da Policlínica. Quando ele vier até aqui consultar com um cardiologista, ortopedista, pediatra ou qualquer outro especialista, ele poderá sair e ir até a central e fazer o agendamento do seu retorno, além de marcar os exames solicitados pelo médico”, explica a secretária de Saúde, Ivonir Zanatta Webster, a Crespa. “Antes era preciso que a pessoa voltasse à sua unidade de saúde e, muitas vezes, isso causava vários transtornos”.

A secretária afirma que, além de melhorar o atendimento, esse novo espaço deve diminuir o número de pessoas que faltam aos exames marcados. “Hoje nós temos uma média de 700 pessoas que faltam nas consultas de retorno e nos exames, assim, voltam para o fim da fila, por que perdem o prazo agendado, e ficam meses esperando por uma nova oportunidade”.

Uma enfermeira, uma técnica de enfermagem e dois funcionários do setor administrativo devem realizar os atendimentos na Central de Agendamentos da Policlínica. Eles irão passar por treinamentos nas próximas semana e a previsão é que até o dia 1º do próximo mês o local já esteja atendendo ao público.
Inauguração do espaço

A Central de Agendamentos da Policlínica foi inaugurada na sexta-feira, 7, e contou com a presença de diversas autoridades e funcionários da Secretaria de Saúde. Segundo o prefeito interino Roberto Prudêncio Neto, a sala foi reformada sem custos extras.

“Tudo foi feito com a mão de obra dos funcionários da prefeitura, o material utilizado aqui era sobra de outras construções, incluindo o mobiliário, então não foi necessário contratar uma empresa para fazer isso, conseguimos arrumar o local rapidamente”.

Ele revela que o principal objetivo é otimizar o tempo do paciente, por isso, a sala ficará na praça da Cidadania, próximo Centro de Serviços em Saúde, onde fica a Policlínica. O prefeito revela também que, em breve, um novo prédio destinado a atendimentos de saúde deve ser construído.

“A secretaria hoje gasta muito com aluguéis, em diversos pontos da cidade, e isso é um dinheiro jogado fora, sem retorno. A nossa ideia é fazer um novo prédio aqui na cidade, para realocar esses setores ligados à saúde, todos no mesmo espaço”, garante.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio