Centro integrado de atenção psicossocial funcionará no antigo Colégio Honório Miranda

Prefeitura aguarda assinatura do contrato e reformas no local para implantar serviços

Centro integrado de atenção psicossocial funcionará no antigo Colégio Honório Miranda

Prefeitura aguarda assinatura do contrato e reformas no local para implantar serviços

A Prefeitura de Brusque tem intenção de criar um Centro de Atenção Psicossocial Integrado, no início do próximo ano. A ideia é levar todos os serviços hoje prestados na área para um único local, já escolhido, que fica no Centro da cidade.

Trata-se da sede do Colégio Honório Miranda, na rua Hercílio Luz, que fechou as portas em 2016. De acordo com o secretário de Saúde, Humberto Fornari, a pasta está em fase final de negociação para alugar o espaço, e o contrato deve ser assinado em breve.

Veja também:
Ciclone irá atingir Santa Catarina no fim de semana? Veja o que dizem os especialistas 

Luciano Hang processa Miriam Leitão por danos morais após comentário no Twitter

Prefeitura de Brusque afirma que aumentará repasses a hospitais em 2019

 

Inicialmente serão levados para o local os serviços já disponibilizados pela prefeitura, com os Centros de Atendimento Psicossocial (Caps) II e AD (álcool e drogas). Mas o governo pretende, em longo prazo, colocar mais serviços no local.

O primeiro é um ambulatório de psicologia e psiquiatria, para atendimento dos pacientes. Segundo o secretário, trata-se de um novo serviço que o governo federal está oferecendo junto aos municípios.

Para que ele seja implantado em Brusque, é preciso haver habilitação e credenciamento da Secretaria de Saúde, o que está em andamento.

O segundo serviço é o Caps infantil, demanda antiga no município. O espaço para atendimento de crianças até 17 anos é solicitado há anos, inclusive pelo Ministério Público. Gestões anteriores chegaram a anunciar a implantação do serviço, mas as pretensões esbarraram na impossibilidade financeira.

A necessidade de recursos ainda é empecilho para a criação do Caps Infantil.

Veja também:
Eleições 2018: Compare o perfil e as propostas dos candidatos à presidência da República

Procurando imóveis? Encontre milhares de opções em Brusque e região

Motos batem de frente e três ficam feridos, em Blumenau

“Tão logo a gente consiga melhorar a nossa realidade de folha [de pagamento] versus arrecadação, o Caps Infantil seria uma das nossas prioridades, uma das primeiras metas a serem atingidas”, diz o secretário de Saúde. “A maior dificuldade hoje está no equilíbrio orçamentário, em função da folha estar próxima de 54%”.

O que falta
De acordo com  a Secretaria de Saúde, tão logo esteja assinado o contrato para locação do novo espaço serão iniciadas reformas e adaptações do espaço, o que será feito pelo Departamento Geral de Infraestrutura (DGI).

“No inicio de 2019 acreditamos que a gente consiga alocar o nosso pessoal todo para lá”, afirma o secretário Humberto Fornari.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio