Ciclista brusquense representará Seleção Brasileira em desafio no Uruguai

O atleta Eduardo Franco conquistou a vaga após bom desempenho na Volta do Futuro

Ciclista brusquense representará Seleção Brasileira em desafio no Uruguai

O atleta Eduardo Franco conquistou a vaga após bom desempenho na Volta do Futuro

A lista oficial de atletas selecionados para defender a Seleção Brasileira Júnior de Ciclismo na Volta da Juventude reservou uma surpresa para o brusquense Eduardo Franco. Pela primeira vez, o atleta de 17 anos vestirá a ‘amarelinha’. O comunicado foi feito pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) no último sábado. A competição internacional será realizada no Uruguai, entre os dias 23 e 28 de fevereiro.

O atleta conquistou a vaga após bom desempenho na Volta do Futuro, evento nacional que ocorreu entre os dias 29 de janeiro e 1° de fevereiro. Franco conseguiu dois pódios em quatro etapas, faturando medalhas de prata e bronze. Segundo o treinador da Seleção Brasileira Júnior, o também brusquense Eduardo Gohr, o destaque na competição realizada em São Paulo foi essencial para a convocação de Franco. “Ele estava sendo observado há mais tempo, mas o ciclista precisa estar 100% fisicamente para a escalação. Com o desempenho na Volta do Futuro, ele provou ser capaz”, diz. Para Gohr, a categoria júnior é importante para atletas que visam um futuro no esporte. “É a porta de entrada para o mais disputado segmento do ciclismo, que é a Elite Men”, explica.

A seleção vai para o Uruguai com seis atletas. Além de Franco, o catarinense Vinicius Correa Woitke, o paranaense Rafael Pattero, os paulistas Luís Fernando Trevisan e Renan César da Silva e o sergipano Breno Morais Santos completam a seleção.

Meses de foco


Vislumbrando a possibilidade de representar a seleção brasileira, Franco antecipou suas férias do ano passado para o mês de setembro. Em outubro, voltou pedalando forte com o foco na Volta do Futuro. “Eu virei o ano treinando. Essa escalação foi a recompensa por tanto esforço”, diz o atleta.

Franco se diz otimista com seu desempenho no Uruguai. “Tenho boa expectativa. Já corri no Uruguai e sei que o solo não é montanhoso, o que facilita minha performance. Vou chegar forte para fazer bons resultados”. A competição no país vizinho será nos mesmos moldes da Volta do Futuro, com a diferença de ser mais longa. Serão cinco dias de disputas, com seis etapas. Em cinco delas, serão disputadas provas de estrada. No meio da competição haverá um duelo de contrarrelógio.

Para manter a tradição

Franco é atleta da Brucicle há quatro anos. Com sua confirmação via CBC, o ciclista ajudou Brusque a manter uma tradição recente. Desde 2013 a cidade tem um atleta escalado para a seleção. O primeiro deles foi Áquila Roux. No ano passado foi a vez de André Gohr defender as cores do Brasil.

A missão do ano é repetir o bom desempenho da edição anterior da Volta da Juventude. A tradicional competição do ciclismo de base foi vencida pela equipe brasileira no ano passado. André Gohr foi destaque ao conquistar o título geral individual.

No momento, os atletas da seleção treinam individualmente, afastados do técnico Eduardo Gohr. O comandante pretende trazer todos os ciclistas para Brusque pouco antes da competição para atividades de entrosamento. “Queremos fazer dois ou três treinos aqui no município”. No dia 21, atletas e comissão viajam de Brusque para o Uruguai.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio