Comandante Moisés tem vitória expressiva em Guabiruba e Botuverá

Candidato do PSL teve grande votação, confira os números

Comandante Moisés tem vitória expressiva em Guabiruba e Botuverá

Candidato do PSL teve grande votação, confira os números

Eleito governador Comandante Moisés (PSL) alcançou votação expressiva em Guabiruba e Botuverá. Com 100% das urnas apuradas, os números apontam que ele obteve mais de 81% dos votos nos dois municípios.

No cômputo geral do estado, os números do TSE mostram que ele atingiu porcentagem que já o elegeu. O mandato dele começa dia 1º de janeiro de 2019.

Guabiruba se mostrou um reduto bolsonarista no primeiro turno. Os mais votados para todos os cargos em disputa no primeiro turno na cidade são do PSL.

Comandante Moisés também foi o mais votado entre os guabirubenses em 7 de outubro, com 45,42%. Neste turno, ele avançou ainda mais seu domínio na cidade, com 84,21%.

O fato de a prefeitura estar sob o comando do PP, que estava coligado com Gelson Merísio (PSD), não teve grande influência no resultado.

Em números brutos, o pesselista teve 10.093 votos guabirubenses. Já Merísio ficou com 1.892.

A abstenção atingiu 6,72%, ou seja, 974 eleitores não votaram. Do total de 14.486 eleitores no município, 13.512 compareceram, o que significa comparecimento de 93,28%. Brancos somaram 3,52%, e nulos foram 7,79%.

Botuverá
Botuverá foi o único município dentre os três no qual o candidato do PSL não venceu. Na cidade, Mauro Mariani (MDB) ganhou no primeiro turno.

Mas sem Mariani, Comandante Moisés foi o mais votado neste turno, na esteira do bom desempenho de Bolsonaro. Ele obteve 81,98% dos votos botuveraenses. Merísio alcançou 18,02%.

De acordo com a Justiça Eleitoral, Moisés teve 2.784 votos em Botuverá. Merísio obteve 612.

A taxa de comparecimento foi expressiva na cidade: 92,66%. A abstenção foi de 7,34%, o que equivale a 301 eleitores que não votaram em ninguém.

Brancos alcançaram 3,03%, ou seja, 115, , e nulos, 7,61%, equivalente a 289.