Comissão do Detran prevê 22 leilões de veículos e sucatas em 2016

São carros e motos, com direito à documentação, e sucatas, pertencentes aos depósitos de Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu e Garopaba

Comissão do Detran prevê 22 leilões de veículos e sucatas em 2016

São carros e motos, com direito à documentação, e sucatas, pertencentes aos depósitos de Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu e Garopaba

A Comissão Estadual de Leilão do Detran-SC retomou seus trabalhos práticos nos pátios, na última semana, com a avaliação de 906 veículos, removidos, apreendidos e retirados de circulação.

São carros e motos, com direito à documentação, e sucatas, pertencentes aos depósitos de Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu e Garopaba.

Esses veículos estão selecionados para o primeiro leilão, que será realizado dia 9 de março, no Centro de Eventos Multiuso em São José, sob o comando do leiloeiro Eduardo Abreu.

Inicialmente serão vendidos os lotes para circular, aqueles referentes aos veículos que têm direito a documentação, transferência e podem voltar às vias públicas. Esses podem ser adquiridos por qualquer pessoa.

Na sequência, serão leiloadas as sucatas de carros e motos, aquelas sem direito à documentação, entregues para uso exclusivo de revendedores de peças, e que são vendidas somente para empresas, que atuam no ramo de veículos, mediante apresentação da documentação.

“Queremos repetir o sucesso alcançado em 2015 e inserir novos municípios no processo, além de dar prosseguimento ao projeto de realização dos leilões judiciais no Estado. Estamos à disposição para orientar os municípios que tenham interesse em realizar os certames”, ressalta o presidente da Comissão Estadual de Leilão, coronel da PM Marcus Vinicius Bedretchuk.

Em 2015 foram realizados 28 leilões administrativos e um judicial (Ituporanga), atendendo 109 municípios, com a venda de 16.697 veículos, dentre 12.672 sucatas e 4.025 circuláveis, com uma arrecadação de R$ 4.197.938,36 referente às multas devidas ao estado e municípios pelos antigos proprietários dos veículos apreendidos; R$ 2.353.968,28 referente ao IPVA; R$ 1.836.002,01 de licenciamento; e R$ 1.106.152,29 devido de seguro obrigatório (DPVAT).

Os próximos leilões serão realizados em Balneário Camboriú (16/3) e Blumenau (6/4). Veja no site do Detran o calendário completo. As fotos dos veículos integrantes dos certames também estão disponíveis no portal, em Leilão – Projeção de Leilões.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio