Comunidade de Guabiruba se mobiliza para reduzir número de borrachudos

Grupo de moradores do Lageado Alto adere ao programa de controle ao inseto

Comunidade de Guabiruba se mobiliza para reduzir número de borrachudos

Grupo de moradores do Lageado Alto adere ao programa de controle ao inseto

O mosquito borrachudo é um velho e inconveniente conhecido da população e apesar de não transmitir doenças, sua picada incomoda e irrita a pele, causando coceira e até alergia. Por isso, Guabiruba mantém o Programa de Controle ao Borrachudo, por meio da Secretaria de Agricultura em parceria com a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), com o objetivo de diminuir a quantidade do mosquito e melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Os interessados em controlar a proliferação do borrachudo na sua localidade devem fazer como um grupo de moradores do bairro Lageado Alto, que nos últimos dias aderiu ao programa. Primeiro eles entraram em contato com a Secretaria de Agricultura pelo telefone 3354-1219 e manifestaram o interesse em participar. Assim, receberam as instruções sobre o combate ao inseto e precisaram limpar o rio para posterior aplicação do larvicida.
O engenheiro agrônomo da prefeitura, Juliano Piske, explica que após a comunidade realizar a limpeza do rio, a equipe técnica vai até o local calcular a vazão do curso de água. “A gente precisa saber quanto de água passa no ribeirão para definir a quantidade de produto que se aplica e em quais pontos”, relata ele, ressaltando que o produto está sendo fornecido pelo governo estadual.

Em seguida, é realizada a capacitação dos moradores para aplicação do produto, que é biológico. A técnica da Epagri, Adalgisa Berger Belotto, lembra que diferente de algumas espécies de mosquitos (como o Aedes Aegypti) que preferem água limpa e parada para a proliferação, o borrachudo escolhe os locais de água bastante suja para seu criadouro. “O produto não mata o borrachudo, mata a larva que está na água”, enfatiza a técnica.

Ela destaca que não se elimina o borrachudo, mas se consegue eliminar até 50% dele. Atualmente participam do programa moradores do Lageado Alto, Lorena e Alsácia.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio