Comunidade Luterana e Walmart discutem possibilidade de sublocar espaço onde funcionava o Big

Apesar do fim das atividades, grupo americano continua pagando o aluguel; há empresas interessadas em ocupar o espaço

Comunidade Luterana e Walmart discutem possibilidade de sublocar espaço onde funcionava o Big

Apesar do fim das atividades, grupo americano continua pagando o aluguel; há empresas interessadas em ocupar o espaço

Membros da Comunidade Luterana de Brusque devem se reunir na primeira quinzena de março com representantes do grupo Walmart para definir a situação do imóvel onde funcionava o hipermercado Big, que encerrou suas atividades no município no fim do ano passado.

A Comunidade é proprietária do espaço e fez um contrato de concessão com o grupo Walmart, a qual pertence o Big, por 15 anos. Com o fim das atividades do hipermercado no município, a comunidade precisa resolver a situação do imóvel.

“Eles (representantes do Walmart) pediram para conversar na primeira quinzena de março para definirmos esta situação”, diz o presidente da Comunidade Luterana, Cristian Fuchs.

No encontro deve entrar em discussão a questão da sublocação do espaço pelo Big, situação que está prevista no contrato. “No contrato com o Walmart existe essa possibilidade. Se eles decidirem sublocar, a comunidade continua recebendo uma parcela”, destaca.

Fuchs afirma que existem vários grupos já entraram em contato com a comunidade interessados em locar o espaço. “Nós fomos procurados, mas não podemos ter uma decisão se alugamos ou não em virtude de que ainda não conversamos com o Big ainda. Não sabemos se eles vão encerrar o contrato e vão repassar para nós ou se vai haver a sublocação. Além de nos procurarem, ficamos sabendo que empresas também já procuraram o Walmart questionando sobre o imóvel, mas não podemos ainda revelar quem são”.

Enquanto não há uma definição sobre o destino do imóvel, o Big continua pagando o aluguel para a comunidade luterana normalmente. “Eles estão usando o espaço e pagando o aluguel. Tudo depende deles, estamos abertos a conversar para resolver essa questão”, diz Fuchs.

O Big

A unidade do Big em Brusque foi inaugurada no dia 28 de dezembro de 2011. O contrato da empresa com a Comunidade Luterana foi de concessão do terreno por 15 anos, ou seja, é válido até 2025. A unidade brusquense do Big possui mais de 8 mil m² de área construída, destes, 5,4 mil m² de espaço para vendas. O investimento inicial para a instalação da loja foi de R$ 38,4 milhões. Além disso, à época da construção, a prefeitura precisou fazer alterações na avenida das Comunidades e na rua Martin Luther, que dão acesso ao hipermercado, e recebeu cerca de R$ 700 mil de contribuição da empresa para as obras.

A loja encerrou as atividades no município no dia 30 de dezembro e provocou a demissão de 180 funcionários.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio