Conteúdo exclusivo para assinantes

Construtora realizará consertos nos residenciais Minha Casa Minha Vida de Brusque

Com a promessa, Ministério Público Federal arquivou inquérito

Construtora realizará consertos nos residenciais Minha Casa Minha Vida de Brusque

Com a promessa, Ministério Público Federal arquivou inquérito

A Construtora Città informou ao Ministério Público Federal (MPF) que executará os reparos devidos nos residenciais Jardim Sesquicentenário, no Limeira, e Minha Casa Minha Vida, no bairro Cedrinho, dentro de cinco meses. A promessa foi feita após investigação do MPF que apontou uma série de problemas estruturais.

De acordo com o documento enviado ao MPF pelos engenheiros da construtora, ao qual O Município teve acesso, há problemas de rachaduras, calçadas quebradas e infiltrações que serão corrigidos.

Em agosto, houve uma reunião no MPF, em Itajaí, que contou com a presença da Caixa Econômica, dos síndicos dos condomínios Minha Casa Minha Vida e de representantes da Câmara de Vereadores de Brusque. Os engenheiros das construtoras estiveram nos dois residenciais e emitiram documento no qual constam os problemas e se eles serão consertados ou não.

Residencial Minha Casa Minha Vida
A Città se comprometeu a fazer uma cobertura com telhas de fibrocimento nos dez apartamentos adaptados que estão com infiltrações. Há problemas internos, porém, a construtora não se responsabiliza pelo interior das unidades.

Embaixo do bloco 10, há infiltração de águas fluviais, que não coloca a estrutura em risco, e será consertada. A construtora também se comprometeu a reparar as calçadas e o piso do hall de entrada dos blocos 16 e 7 e de outras áreas.

A cisterna, que está com vazamento, os relógios de energia e os nichos de gás e água também serão reparados dentro do prazo.

Uma das reclamações, o sistema de esgoto não será consertado, pois a construtora já o fez anteriormente.

Os moradores também reivindicam itens que constam no manual do proprietário, como interfones, portão eletrônico e antena coletiva de TV por assinatura. A Cittá informou, e o MPF concordou, que os apartamentos foram entregues de acordo com as normas do programa habitacional, por isso não fará a instalação.

Jardim Sesquicentenário
Neste residencial há menos problemas. A Cittá se comprometeu a consertar os nichos de gás e água e os relógios de energia danificados, e também a reparar os pontos quebrados das calçadas.

Somente as infiltrações nas paredes serão corrigidas, pois, segundo norma técnica, o morador é responsável por impermeabilizar teto e pisos do interior do apartamento.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio