O Coritiba começa a Série B depois de uma campanha vergonhosa no Campeonato Paranaense, sem sequer ficar entre os oito melhores entre 12 para disputar as quartas de final. O adjetivo vem do próprio técnico do Coxa, o paraguaio Gustavo Morínigo. Para piorar, a equipe chega para a Série B com uma sequência de cinco jogos sem vitória. Em meio à Série B, haverá os confrontos da Copa do Brasil contra o Flamengo.

O elenco tem vários jogadores experientes, como Léo Gamalho, Henrique, Luciano Castan, Robinho, Wilson e Rafinha, que darão o suporte para os planos de voltar à Série A. Os “piás” da base têm obtido menos espaço que o esperado até aqui, sendo Igor Paixão a exceção mais relevante.

Gustavo Bochecha (Juventude), Henrique (Belenenses SAD, de Portugal) e William Alves (Chaves, de Portugal) são os primeiros reforços. Entre as saídas, está a de Ricardo Oliveira. Ele tinha contrato até o fim de maio e não entra em campo desde a última rodada da Série A. O diretor-executivo, José Carlos Brunoro, foi demitido após a eliminação no estadual.

Destaques


Léo Gamalho Coritiba
Léo Gamalho
: o homem-gol do Coxa, que já foi artilheiro de tantos outros clubes. Com vasta experiência na Série B, o atacante de 35 anos é a rara alegria de um Coritiba que tem sido decepcionante. Já são sete gols em 10 jogos nesta passagem.

Henrique Coritiba
Henrique
: retorna ao clube que o revelou 13 anos depois de sua saída ao Palmeiras. Neste período, passou por Bayer Leverkusen, Racing Santander, Napoli, Fluminense e Corinthians, além do próprio Palmeiras e da seleção brasileira, para a qual foi convocado na Copa do Mundo de 2014.

Luciano Castan Coritiba
Luciano Castan
: referência na zaga do Coxa, vem de uma boa campanha com o CSA, que bateu na trave na luta pelo acesso na temporada anterior. No Coritiba, disputou 12 dos 13 jogos até aqui, e marcou dois gols.


Coritiba
Foot Ball Club

Curitiba (PR)
Fundação: 12 de outubro de 1909
Estádio: Couto Pereira (próprio) – 40.502 lugares
Presidente: Renato Follador Júnior
Técnico: Gustavo Morínigo
Material esportivo: 1909 (marca própria)
Principais títulos: 1 Campeonato Brasileiro (1985), 2 Série B (2007 e 2010), e 38 estaduais 1916, 1927, 1931, 1933, 1935, 1939, 1941, 1942, 1946, 1947, 1951, 1952, 1954, 1956, 1957, 1959, 1960, 1968, 1969, 1971, 1972, 1973, 1974, 1975, 1976, 1978, 1979, 1986, 1989, 1999, 2003, 2004, 2008, 2010, 2011, 2012, 2013 e 2017).
Vs. Brusque: sem jogos oficiais
Copa do Brasil 2021: 3ª fase, em andamento (vs. Flamengo)
Paranaense 2021: 9º


Foto: Igor Paixão comemora o gol sobre o Rio Branco, na despedida do estadual | Coritiba/Divulgação


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Deixe uma resposta