Conteúdo exclusivo para assinantes
Página 3

Bastidores da política e do judiciário, opiniões e críticas sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro dos impostos pagos pelo cidadão

CPI na Câmara engatinha, enquanto MP já concluiu investigação

  • Por Página 3
  • 6:01
  • Atualizado às 16:32
Página 3

Bastidores da política e do judiciário, opiniões e críticas sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro dos impostos pagos pelo cidadão

CPI na Câmara engatinha, enquanto MP já concluiu investigação

  • Por Página 3
  • 6:01
  • Atualizado às 16:32
  • +A-A

CPI na Câmara
Será realizada nesta segunda-feira, 9, a partir das 14 horas, mais uma reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada pela Câmara de Brusque para analisar suspeita de burla a um processo seletivo do Samae. Semelhante ao que aconteceu na outra CPI envolvendo o Samae, na legislatura passada, o Ministério Público avançou a investigação em ritmo bem maior do que o dos vereadores. Inclusive, já foi ajuizada ação de improbidade e concedida liminar para que um servidor fosse afastado do Samae.

Aspectos políticos
Em todo o caso, as reuniões da CPI seguem e, se pouco ou nada podem fazer para elucidar aspectos técnicos e jurídicos do caso, servem, assim como serviu a anterior, para o debate de aspectos políticos do município, e de como funciona a política. Cabe lembrar, por exemplo, que na primeira CPI do Samae, cujo objeto – a compra de um terreno no Águas Claras – já resultou em duas condenações, o relatório, feito por um governista, não observou a existência de nenhuma ilegalidade.


Desfile organizado
Está de parabéns a Prefeitura de Brusque pela organização do desfile da Fenarreco. O que mais chamou atenção neste sentido foi a retirada e proibição de ambulantes que utilizavam a avenida Cônsul Carlos Renaux
para venda de bugigangas. Além de vender produtos que não tem nada a haver com a festa, atrapalhavam a evolução do grupos. Que continue sempre assim.

 


Instrução normativa
A Controladoria-Geral do município e a Secretaria de Educação de Brusque editaram uma instrução normativa para estabelecer regras para o fluxo de entrega de alimentos perecíveis, utilizados para alimentação dos alunos das escolas municipais. O documento estabelece uma série de regras e orientações para os fornecedores, assim como aos responsáveis pelo estabelecimento de ensino. Instruções normativas, na prefeitura, via de regra surgem como uma chamada de atenção quando alguém não está fazendo direito o que deveria ser feito.


Disputa no Judiciário
A Nobre Administradora de Bens continua a apresentar recursos no poder Judiciário na tentativa de reverter a decisão da Vara Comercial de Brusque, a qual decidiu por aceitar a proposta da Brashop para venda do patrimônio da Fábrica de Tecidos Carlos Renaux. Na semana passada, a empresa protocolou um agravo junto ao mandado de segurança que tramita no Tribunal de Justiça, ainda pendente de julgamento.


Protesto
Moradores da rua João Heil, no bairro Nova Brasília, novamente sofreram com os alagamentos causados pela forte chuva de sexta-feira, 6. Eles fizeram um protesto no sábado, 7, no qual interditaram trecho da rodovia Antônio Heil. Os moradores pedem que o governo resvolva os problemas de drenagem no local, e advertem que farão novas manifestações até que haja uma solução.



Jantar de posse
A Associação Empresarial de Brusque (Acibr) realiza nesta segunda-feira, 9, a solenidade de posse da nova diretoria, eleita para o biênio 2017-2017, na qual Halisson Habitzreuter foi reconduzido ao cargo de presidente. A solenidade inicia a partir das 19h, na Sociedade Beneficente de Brusque. Na oportunidade também será realizado o jantar festivo em comemoração aos 83 anos de fundação da Acibr.


Apresentação em Timbó
A convite da Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira, da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), o presidente da Câmara de Brusque, vereador Jean Pirola (PP), ministrou em Timbó uma palestra sobre o programa de votação eletrônica adotado pelo Legislativo brusquense – o Legislador Plenário, e a instituição da Ouvidoria da Câmara de Brusque.O Legislador Plenário praticamente pôs fim à utilização de material impresso durante as sessões ordinárias, fator que, dentre outros, interessou representantes da Escola do Legislativo.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio