Creche no prédio do antigo Senac deve disponibilizar 150 vagas no segundo semestre

Administração municipal estima concluir até o recesso escolar as obras na creche do Senac, e inaugurá-la na sequência

Creche no prédio do antigo Senac deve disponibilizar 150 vagas no segundo semestre

Administração municipal estima concluir até o recesso escolar as obras na creche do Senac, e inaugurá-la na sequência

A Prefeitura de Brusque estima a conclusão da obra da creche no local onde ficava o antigo Senac, no bairro Jardim Maluche, até o fim do recesso escolar, em meados de julho, e inaugurá-la na sequência, aumentando em 150 o número de vagas disponíveis na educação infantil do município.

Iniciada em 2013, a obra já passou por diversas paralisações, sobretudo por causa de readequações que precisaram ser feitas ao seu projeto original. Sua conclusão é aguardada para ajudar a desafogar um pouco a fila de espera, a qual continua alta no município.

Segundo o secretário municipal de Educação, Ivanor de Mendonça, 200 novas vagas foram abertas nos últimos 12 meses, período em que ele está à frente da pasta. No entanto, cerca de 1 mil crianças entraram nas creches, assim como há os alunos que saíram da creche para iniciar o ensino fundamental.

Conforme Mendonça, a ampliação da oferta de vagas foi possível, sobretudo, por causa da implantação de salas itinerantes em algumas das escolas do município.
O prédio do antigo Senac abrigará o Centro de Educação Infantil Hilda Anna Eccel. A obra estava paralisada no começo do ano passado e, em maio, após a troca de governo, foi feita uma reavaliação para retomada dos trabalhos.

Iniciada em 2013, ela havia sido orçada em R$ 1,2 milhão, mas o valor final, ainda indefinido, ultrapassará esse montante. Segundo o secretário, havia diversas ações que constavam na planilha, mas não estavam executadas, e outras coisas precisavam ser licitadas.

Um laudo feito em 2014 apontava comprometimento da estrutura física e indicava a necessidade de passar por reparos e reforços na estrutura do local. “Foi feita uma revisão na obra com base nas orientações do técnico”, afirma o secretário de Educação.

Obra retomada em setembro de 2015

A obra suspensa foi retomada em setembro do ano passado. Segundo a prefeitura, a estrutura física está totalmente concluída, mas falta a mobília e a estruturação da parte administrativa. Os móveis já estão sendo colocados, assim como equipamentos elétricos, de cozinha, de climatização e da lavanderia.

Há uma pendência em relação à despensa do educandário. O projeto original previa sua instalação no subsolo. Porém, notou-se que o local poderia ficar comprometido quando houvesse chuva forte, e foi preciso readequar o projeto neste ponto.

Atualmente, funcionários montam a parte administrativa, que engloba a sala dos professores, secretaria e direção. Algumas coisas, como eletrodomésticos, ainda precisam ser licitadas.

Serão necessários 50 profissionais para nova creche

A contratação de profissionais deverá iniciar em breve. Conforme o secretário, alguns dos que já atuam na educação serão remanejados para a nova creche, para que ela possa contar com pessoas que tenham experiência na função, além dos novos contratados.

“Isso passa por uma questão que envolve orçamento e folha de pagamento, envolve em torno de 50 servidores para atender todas as necessidades do educandário”, afirma Ivanor de Mendonça.

Outra informação importante é que, assim que for inaugurado o CEI Hilda Anna Eccel, haverá remanejamento temporário de alunos do CEI Hilda Anna Eccel II, que fica também no Maluche, para que lá possa ser feita uma reforma.


Divulgação da fila de espera

Aprovada no ano passado e sancionado pelo prefeito interino, Roberto Prudêncio Neto, a lei que estabelece a divulgação online da fila de espera por vagas em creche em Brusque ainda aguarda ser regulamentada para começar a valer. Segundo informou recentemente a Procuradoria Geral do município, o governo estuda os custos e a operacionalização do sistema, em busca da melhor maneira de fazer a divulgação.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio