Criminoso que fugiu do hospital é recapturado em Itajaí pela Polícia Civil de Brusque

Antônio Wilker de Souza praticou um assalto na noite de quinta-feira com um comparsa, mas foi agredido e alvejado pelas vítimas

Criminoso que fugiu do hospital é recapturado em Itajaí pela Polícia Civil de Brusque

Antônio Wilker de Souza praticou um assalto na noite de quinta-feira com um comparsa, mas foi agredido e alvejado pelas vítimas

O foragido Antônio Wilker de Souza foi recapturado pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Brusque nesta sexta-feira, 8, em Itajaí. O criminoso havia fugido do Hospital Azambuja em 3 de julho, com a pistola de um agente penitenciário.

Wilker foi preso no Hospital Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí, quando passou uma carteira de identidade falsa para um atendimento, após ser agredido e alvejado na mão, durante um assalto.

O crime ocorreu na noite de quinta-feira, 7, quando ele e um comparsa fizeram o assalto a um comércio, em Navegantes. Em seguida, os dois foram até a casa de uma das vítimas. Neste momento, o comparsa fugiu de motocicleta levando o dinheiro e deixando Wilker para trás.

Na tentativa de fugir, Wilker atirou contras as vítimas, mas nenhum tiro acertou. As vítimas então se voltaram contra o criminoso e o renderam. Wilker foi agredido com diversos golpes das pessoas que tentavam se defender. Uma das vítimas, inclusive, atirou contra a mão do criminoso.

Ao dar entrada no hospital, ele utilizou o RG falso, mas assim que a DIC de Brusque soube do caso, foi até o hospital para averiguar a situação. Ao chegar ao local, os policiais constataram que era mesmo o detento fugitivo do hospital.

Investigação
Há algumas semanas a DIC já vinha investigando o criminoso e acompanhamento seus passos. Segundo a polícia, Wilker estava escondido no município de Navegantes. A prisão ainda não havia sido feita, pois a polícia estava apurando melhor a localização do criminoso.

Wilker é considerado um criminoso de alta periculosidade. Ele responde a diversos crimes, incluindo latrocínio, roubo, homicídio e tráfico de drogas.

Avistado em Brusque
Nesta semana, o criminoso já havia sido avistado em Brusque por um policial militar. O policial, inclusive, é o mesmo que entrou em confronto com Wilker e um comparsa, durante um assalto no ano passado, no estacionamento de um supermercado. O comparsa foi morto na troca de tiros e Wilker fugiu.

Assim que o policial viu o criminoso no município, pediu reforço das guarnições da PM, mas conseguiu fugir.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio