Cruzeiro vence o Palmeiras em casa e encosta na briga pela Libertadores

Raposa bateu o Porco por 3 a 1 neste domingo

Cruzeiro vence o Palmeiras em casa e encosta na briga pela Libertadores

Raposa bateu o Porco por 3 a 1 neste domingo

O Cruzeiro conquistou uma providencial vitória contra o Palmeiras, neste domingo, 9, no estádio do Mineirão, na capital mineira. O triunfo por 3 a 1 foi válido pela 12ª rodada do Brasileirão, e significou a ascensão da Raposa à condição real de postulante a uma vaga para a Copa Libertadores.

A vitória foi construída no primeiro tempo. Embora o Palmeiras tenha dominado as ações nos primeiros 30 minutos, foi o time da casa que saiu na frente. Alison passou para Thiago Neves, que acreditou numa bola quase perdida e bateu quase sem ângulo, na saída de Fernando Prass.

Ainda no primeiro tempo, mas nos minutos finais, Lucas Romero arriscou de longe, a bola desviou em Hudson e enganou Prass, que viu a pelota morrer no fundo barbante.

Na segunda etapa, Cuca mexeu e colocou Keno na vaga de Mayke. A mudança melhorou o time, mas não se refletiu em gols logo de cara. Aos 16 minutos, Willian mandou para a rede após cruzamento de Róger Guedes e reduziu o marcador.

Mas o Cruzeiro não desistiu e ampliou o placar aos 46 minutos, com Élber, selando a vitória em pleno Mineirão, perante mais de 15 mil torcedores. Três minutos depois, o árbitro soou o apito final.

A derrota, mesmo que fora de casa, acende o sinal de alerta no clube paulista. De favorito, o Palmeiras está na condição de ver o seu ano ser modificado, se não reagir. Perdeu no meio de semana na Libertadores e agora estaciona no Brasileirão. Está longe de ser uma crise, mas o clube já começa a ter de ficar atento.

A vitória foi a redenção cruzeirense, depois de ter perdido para o arquirrival Atlético-MG. O pressionado técnico Mano Menezes ganha uma sobrevida com os três pontos, que, automaticamente, levam o time a brigar por uma vaga na competição continental mais cobiçada pelos brasileiros.

Grêmio 0x2 Avaí
O resultado pode ser considerado a maior zebra da 12ª rodada do Brasileirão. Na Arena, o Grêmio foi engolido pelo Leão de Santa Catarina e perdeu por 2 a 0. Wellington Simião e Júnior Dutra marcaram os gols da vitória do então vice-lanterna contra o Tricolor Gaúcho, que viu o líder Corinthians abrir vantagem.

Bahia 1×1 Fluminense
O Bahia jogou bem contra o Tricolor Carioca, mas não conseguiu a vitória em plena Arena Fonte Nova. Pelo menos, evitou o pior e empatou o jogo aos 38 do segundo tempo com João Paulo. Antes disso, o Flu marcou com Wellington Silva. O Bahia está com 11 pontos e figura no grupo “dos que brigam para não cair”.

Chapecoense 1×1 Atlético-PR
A Chape recebeu o Atlético Paranaense na Arena Condá neste domingo, 9, pela manhã, diante de um bom público. No entanto, nem o futebol apresentado nem o resultado foram bons. O 1 a 1 foi ruim para os dois times. Sidcley marcou para o clube rubro-negro do Paraná, e Lucas Marques empatou.


SÉRIE B
Inter só empata e continua fora do G4

A vida do Internacional não está fácil na Série B. No sábado, 8, dentro do Beira-Rio, o Colorado apenas empatou com o Criciúma. Pior: o empate só veio nos acréscimos, com Klaus. Com o 1 a 1, o Inter fica na sexta posição, a dois pontos do G4, e o campeonato está na 12ª rodada.

Após o apito final, houve vaias, protestos e vandalismo nos arredores do estádio. Na próxima rodada, o Inter pega o quinto colocado Ceará, em um confronto direto.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio