Curso de Youtuber Kids capacita crianças para serem produtoras de conteúdo para internet

Faixa etária dos alunos é de 8 a 14 anos; aulas abrangem roteiro, equipamento e edição de vídeo

Curso de Youtuber Kids capacita crianças para serem produtoras de conteúdo para internet

Faixa etária dos alunos é de 8 a 14 anos; aulas abrangem roteiro, equipamento e edição de vídeo

O Senac de Brusque encerrou no dia 23 de fevereiro a primeira turma do curso de Youtuber Kids, ministrado pelo produtor Guilherme Poffo, do canal República Nerd, que tem mais de 11 mil inscritos no YouTube.

Segundo Poffo, as aulas abrangeram conteúdos como roteiro, equipamento – desde o celular e webcam até as câmeras DSLR profissionais – e os primeiros passos para a edição de vídeo, além de contar com uma apostila, desenvolvida por Poffo, e um workshop com o youtuber Tiago Cadore, do canal Galo Frito.

A primeira turma era voltada à crianças e adolescentes de 10 a 14 anos. No dia 9 de março, o Senac abre uma nova turma, desta vez para crianças na faixa etária de 8 a 10 anos. “Essa é a idade em que a maioria deles está aflorando para alguma aptidão”, diz Poffo. “Mas, para as crianças mais novas, vamos fazer um curso mais dinâmico, menos teórico.”

O coordenador do curso, Edison Correa, afirma que o objetivo do curso é capacitar as crianças para as plataformas digitais, para que elas possam trazer informação, criar canais e aprendam a fazer essa “movimentação” nas mídias. Segundo ele, o Senac sentiu a necessidade de oferecer esse curso devido à conexão constante das crianças: “Queremos dar um canal acessível de inclusão, de desenvolvimento coletivo, além de fornecer conteúdos até para a formação profissional deles”.

O curso teve cinco encontros e totalizou 20 horas/aula. A primeira turma teve 17 alunos, o que foi uma surpresa para o professor. “Foi fantástico ver a sala cheia e dar aula para tanta gente que quer realmente criar conteúdo de qualidade”, diz Poffo. A expectativa é que a procura pelas próximas edições do curso seja ainda maior.

No último dia de aula, todos os alunos precisaram gravar e editar um vídeo. “80% deles saiu não só com vontade, mas com aptidão para criar um canal com qualidade acima da média”, afirma o professor.

Também no encerramento do curso, com a visita do youtuber Tiago Cadore, as crianças puderam conversar sobre as experiências de quem é criador para o YouTube, e também com o jornalista Lucas Machado, que falou sobre criatividade e como criar conteúdo de qualidade para internet.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio