Conteúdo exclusivo para assinantes

De maneira lúdica, Polícia Militar orienta crianças por meio do Proerd Kids

Programa voltado a estudantes do primeiro ano é realizado pela primeira vez em Guabiruba

De maneira lúdica, Polícia Militar orienta crianças por meio do Proerd Kids

Programa voltado a estudantes do primeiro ano é realizado pela primeira vez em Guabiruba

Ensinar às crianças práticas adequadas para a segurança pessoal é uma das preocupações do 1º Grupamento da Polícia Militar de Guabiruba. Na quinta-feira, 31, a PM do município iniciou o Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd) Kids, com aproximadamente 45 alunos do primeiro ano.

Esta é a primeira vez que Guabiruba adere à modalidade Kids do programa, que utiliza oito lições, divididas em quatro encontros. Nesta primeira etapa do programa, quatro escolas do município estão sendo beneficiadas. No entanto, a intenção é que assim que novos instrutores se formem, novas escolas sejam inclusas no programa.

O soldado Marcos Alessandro Carvalho Urach é o instrutor do programa no município. Ele avalia que o Proerd Kids é muito importante, pois além de reforçar questões básicas ensinadas pela família e escola, oportuniza às crianças a terem um primeiro contato com um policial militar. “Assim aprendem a tomar as melhores decisões possíveis e como agir diante de uma situação de perigo”.

A abordagem utilizada no programa para as crianças do primeiro ano – de 6 a 7 anos – é mais lúdica e com uma linguagem mais adequada para mostrar às crianças situações de risco que a faixa etária poderá enfrentar no dia a dia. “Para isso, utilizamos oito cartazes que abrangem uma gama de experiências comuns que elas poderão encontrar em casa, na escola e na comunidade”, explica o policial.

Cada cartaz traz uma situação específica que oferece às crianças a oportunidade de identificar ou confirmar práticas adequadas a serem adotadas para a segurança pessoal. Indicam ainda motivos para seguir determinadas regras e instruções, aprender o que dizer e fazer em algumas situações, reconhecer, evitar, resistir e relatar situações que possam lhes causar problemas.

Novos instrutores
Além de ser as primeiras turmas em Guabiruba a receberem o programa, esta também é a primeira experiência do policial como instrutor do Proerd. Urach se formou em agosto, junto com outros três policiais do 18º Batalhão da PM, no curso de dez dias, em Florianópolis.

Mas antes, passou por uma seleção interna na Polícia Militar, onde foi habilitado a participar do curso. “Foi bastante intenso e produtivo. Fomos submetidos a diversas atividades, como peças teatrais, palestras, leituras. A finalidade foi ampliar nosso conhecimento e verificar nossa capacidade de evoluir diariamente e se éramos aptos a sermos instrutores”, conta.

O comandante do 18º BPM, tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro explica que com a formação de novos instrutores, o programa ganha um reforço e novas escolas poderão ser beneficiadas. “Hoje temos três policiais exclusivos no programa. Esses quatro novos que foram formados, dois de Brusque, um de Guabiruba e outro de Ilhota, ministrarão aulas, mas a prioridade ainda será a radiopatrulha”, ressalta.

Diferença entre programas
Em Brusque, o Proerd Kids já vem sendo desenvolvido desde 2015, mas em poucas turmas. “Realizamos em escolas que sentimos que há uma maior necessidade dessa informação e formação das crianças”, diz o comandante.

Ele explica que o Proerd Kids (1º ano) tem uma dinâmica diferente do Proerd tradicional, que é aplicado para turmas do 5º ano. “Para as crianças menores não entramos na questão das drogas. São abordados temas educativos sobre civismo, educação no trânsito e maneiras de se protegerem em determinadas situações”.

Já no Proerd, para alunos de nove anos, é utilizada a cartilha, voltado, especialmente, para a prevenção às drogas. “Sentimos essa necessidade de prevenir por meio das crianças e adolescentes, pois acreditamos que eles serão os formadores de opinião no futuro”, afirma Gomes.

 

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio