Desfile do presépio vivo encanta moradores de Guabiruba

Evento foi realizado com bastante público, mesmo com tempo chuvoso

Desfile do presépio vivo encanta moradores de Guabiruba

Evento foi realizado com bastante público, mesmo com tempo chuvoso

A chegada do Natal em Guabiruba foi anunciada em grande estilo neste sábado, 23, com o Desfile do Presépio Vivo. O tradicional evento, que já é realizado há mais de 30 anos, reuniu os personagens bíblicos e Papais Noéis distribuindo 450kg de balas pelas ruas da cidade e a Sociedade do Pelznickel.

Nem mesmo o tempo chuvoso impediu que a frota de caminhões iluminados e decorados saísse da Igreja Nossa Senhora Aparecida, em Guabiruba Sul, rumo às ruas do município.

Rhael Kohler está à frente da coordenação do presépio desde 2007, quando ainda tinha 15 anos, e não estava preocupado com a chuva. “Desde que comecei a me envolver mais, esta é a segunda vez que teremos chuva. Mas se sairmos no horário, com a chuva não muito forte, acredito que o pessoal estará em casa nos esperando. A expectativa é de um público muito presente, como se não tivesse chuva”, previu Rhael, minutos antes do desfile.

E foi exatamente o que aconteceu. Os caminhões saíram no horário certo e o elenco foi recebido por dezenas de crianças e adultos em diversos pontos da cidade, que acenavam e desejavam feliz Natal. Carros buzinavam em sinal de apoio ao desfile.

Os intérpretes de José e Maria no presépio vivo são um casal, assim como na história bíblica original. O engenheiro de produção Joélcio Rodrigues e a costureira Elaine Schork Rodrigues são casados, e participam do desfile desde 2014. Em uma das ocasiões, Elaine estava grávida e, na edição seguinte, o menino Jesus foi representado pela filha do casal, Giovanna. Neste ano, Joélcio e Elaine também participaram do presépio realizado na Pelznickelplatz.

“É uma grande responsabilidade ser a Maria, me sinto responsável em levar a mensagem [de Natal] adiante. As pessoas levam a sério o presépio, é muito gratificante. Principalmente por causa das crianças, porque trazemos a elas um pouco do real significado do Natal”, conta Elaine.

“O Natal não é só ganhar presentes, é sobre o nascimento de Jesus. E representarmos os pais dele é algo incrível”, explica Joélcio.

Patrícia Leal Pitzer acompanha o desfile todo ano com sua família e tem orgulho da tradição que tem se tornado o evento ao longo das décadas. “A gente admira muito, porque eles dedicam o tempo deles desde muito antes do desfile para toda Guabiruba. As próximas gerações devem continuar esta tradição, porque é lindo”, declara a cabeleireira.

O coordenador Rhael Kohler explica as motivações do evento, que já é indispensável para a cidade. “Mais do que um fazer um desfile, nós queremos passar uma mensagem, a mensagem do nascimento do menino Jesus. O que motiva a gente é ver o sorriso das crianças e dos adultos, ver esta paz e este amor distribuídos. Hoje um Natal aqui na comunidade sem o desfile não é a mesma coisa”.

Cerca de 100 pessoas participaram da organização do evento, que é realizado pela igreja e pela Comunidade Nossa Senhora Aparecida, de Guabiruba Sul, com apoio da Prefeitura de Guabiruba.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio