Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Dificuldades de entidades em receber repasses da Prefeitura de Brusque se repetem ano a ano

Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Dificuldades de entidades em receber repasses da Prefeitura de Brusque se repetem ano a ano

Página 3

Plantão
O Município informa que não haverá edição impressa entre 25 e 29 de dezembro, voltando a circular em 2 de janeiro. No entanto, durante este período, a equipe de jornalismo ficará de plantão, atendendo pelo WhatsApp 9 9141-9800. Acompanhe as notícias pelo portal omunicipio.com.br.


Acordo com Acapra
A Prefeitura de Brusque assinou nesta quarta-feira, 20, o termo de colaboração financeira com a Acapra para auxiliar no custeio das atividades desenvolvidas pela entidade. Com o acordo, a administração municipal fará o repasse de R$ 10 mil à Acapra até o dia 31 deste mês. O secretário da Saúde, Humberto Fornari, afirma que o convênio já poderia ter sido selado antes, mas de acordo com a lei 13019/2014, promulgada este ano, todos os municípios tiveram que se adequar com seus convênios, enquanto que as entidades filantrópicas precisaram se adaptar a nova lei.

Mesmo procedimento
A exemplo da Acapra, a escola Charlotte também teve que passar pelo mesmo procedimento. “O fato desse convênio estar acontecendo praticamente aos 45 minutos do segundo tempo se deve logicamente à lei 13019, que regulamenta os convênios, na qual uma série de exigências foram requisitadas”. A prefeitura se comprometeu, ainda, a auxiliar a Acapra com a indicação de um local para a castração de animais até o fim do primeiro trimestre de 2018.

Situação repetida
A dificuldade de entidades firmarem convênio com a prefeitura é uma situação que tem se repetido nos últimos anos. Contrariamente ao que era costume em um passado não tão distante, quando recursos públicos eram distribuídos de forma indiscriminada, os últimos governos, muito em função da falta de recursos, tem apertado o cinto na liberação de recursos para entidades. Ocorre que este caminho é perigoso, uma vez que muitas delas fazem trabalho para cobrir o déficit de atenção que o governo tem com determinadas áreas.


Aumento dos preços
A gasolina e o diesel sofrerão novo reajuste de preços comercializados nas refinarias. De acordo com a Petrobras, em anúncio feito nesta quinta-feira, 21, a gasolina sobe 1,1% e o diesel 0,4%, a partir desta quinta-feira, 22. Desde julho a Petrobras adota este modelo de reajustes frequentes dos preços da gasolina e do diesel. Segunda a estatal, “em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional”.


Lei sancionada
O governador Raimundo Colombo sancionou na manhã desta quinta-feira, 21, o projeto de lei que muda regras do processo de suspensão da carteira de motorista. O Departamento Estadual de Trânsito de Santa Catarina (Detran-SC) agora é obrigado a realizar a notificação de suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no mesmo ano em que a pessoa acumula 20 pontos na carteira. Com isso, o órgão de trânsito não poderá suspender o direito de dirigir dos motoristas que extrapolaram a pontuação em 2012, 2013, 2014, 2015 e 2016.

Outra notificação
A lei também prevê que o Detran notifique o motorista que se cadastrar pela internet de que está perto de perder a carteira, ao atingir 15 pontos, por exemplo. O projeto de lei do deputado estadual Gelson Merisio foi aprovado na Assembleia Legislativa (Alesc) neste mês de dezembro. O deputado Merisio explicou que milhares de condutores excederam a pontuação nestes últimos anos e não tiveram, no momento oportuno, a cobrança desses pontos feitos pelo Detran, de forma que estavam tendo a carteira suspensa de forma retroativa.


EDITORIAL

Pedidos de Brusque para o Papai Noel

Mais um Natal se aproxima e a equipe do jornal O Município decidiu novamente escrever uma cartinha com pedidos para o Papai Noel, já que muitos dos que pedimos em anos anteriores ainda não aconteceram.

Começamos com o pedido de sempre: a Barragem de Botuverá. Se não for possível a construção, ao menos a liberação de toda a parte burocrática já seria uma vitória, afinal, já passou muita água embaixo da ponte que inundou a cidade e ainda não iniciamos a obra.

Também queremos pedir para que não se mude mais a data da inauguração da obra de duplicação da Antonio Heil. Que ela possa ser concluída e inaugurada com qualidade ano que vem e traga muitas alegrias e desenvolvimento para nossa região. O senhor poderia vir muito mais rápido e com segurança a nossa cidade, mesmo de trenó.

Pedimos também que o senhor ilumine alguma autoridade de nosso município para que ache um caminho e mantenha o complexo da Fenarreco inteiro, evitando assim que as festas e eventos que são patrimônios da cidade morram e deixem o município triste.

Como o senhor já tem uma certa idade, sabe o quanto a saúde é necessária e por isso pedimos aquele toque mágico para que o Hospital e Maternidade de Brusque reabra com força total, que o Hospital Azambuja se desenvolva muito com a parceria do Albert Einstein e que o Dom Joaquim drible as adversidades e cresça também, melhorando consideravelmente a saúde na cidade.

Se for possível, também pedir a proteção de nossos delegados, comandantes e de policiais, que em agosto deste ano fizeram uma grande e inédita operação no município, prendendo 18 bandidos de alta periculosidade, nos mostrando que, com vontade e determinação, se consegue resultados extraordinários.

Chegamos ao fim do ano mostrando uma boa recuperação. Assim, também desejamos que nossa economia prospere e dê trabalho e sustento para todos no próximo ano

Pelo que percebemos, o senhor não é muito afeito à política, mas se puder nos mandar bons candidatos para eleição do ano que vem, seria o melhor presente do mundo. Candidatos com coragem para enfrentar este mar de privilégios e corrupção que está devorando o Brasil. Podia começar por aqui, com bons candidatos a deputado. Só por favor não exagera na quantidade, porque aí corremos o risco de não eleger nenhum.

Também pedimos aquela mãozinha para que possamos finalmente terminar obras importantes que já estão há anos em nossa lista de desejos, como a ponte do Rio Branco e as obras do PAC, principalmente o de Nova Brasília.

Por fim, gostaríamos de ver investimentos no Samae, que possam garantir água para todos e também que se desate o nó do tratamento de esgoto. O senhor, que passa por tantas cidades, daqui a pouco vai conhecer a nossa pelo cheiro, já que, vergonhosamente, depositamos todos os nossos dejetos no rio, sem tratamento.

Sei que o senhor tem muitos pedidos a atender e nós teríamos muitos mais a fazer, mas para não o sobrecarregá-lo vamos ficando por aqui, na esperança que possamos ser ouvidos por você ou por alguém que ocupe posições de liderança e poder na cidade e que possa concretizar estas necessidades e desejos.

Também tivemos muitas conquistas e realizações neste ano, que o senhor pode acompanhar diariamente aqui no jornal O Município, tanto no papel quanto pelo portal na internet. Foi um ano que sobrevivemos à crise e, com muito trabalho, criatividade e dedicação, chegamos ao fim do ano mostrando uma boa recuperação. Assim, também desejamos que nossa economia prospere e dê trabalho e sustento para todos no próximo ano.

Por fim, entendemos que estes desejos não sejam só do jornal, mas de muitas pessoas que lutam para uma cidade melhor. Para estas pessoas o senhor pode caprichar no presente, para os demais, dá uma passada na Guabiruba e traz novamente o Pelznickel, para ver se ele assusta as más intenções.

 

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio