Conteúdo exclusivo para assinantes
Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Dois grupos distintos disputam eleição no Tribunal de Justiça de SC

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Dois grupos distintos disputam eleição no Tribunal de Justiça de SC

Descontrole

Raul Sartori

Toga em nervos
Toda a inusitada agitação, inclusive com surpreendentes pedidos de impugnação de nomes, em torno da eleição, dia 6, do presidente, vice-presidente, corregedor-geral da Justiça, 2º vice-presidente, 3º vice-presidente e vice-corregedor-geral da Justiça, põem em lados opostos dois grupos distintos no Tribunal de Justiça de SC: um representado pelos magistrados mais antigos, com nomes em disputa um pouco dispersos e nem tanto assim afinados ideológica e politicamente; o oposto, aparentemente mais coeso, integra os chamados “novos”, com pequena maioria e grande vontade de “mudar”. Seu nome para presidente é o do desembargador florianopolitano Rodrigo Collaço, que já foi presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), com passagem notável.

Conduta
Neste sábado fazem dois meses da morte do reitor da UFSC, Luiz Carlos Cancelier e Operação “Ouvidos Moucos” ainda não tem nada a dizer. A novidade é que um familiar de Cao, o matemático Acioli Antônio de Olivo solicitou ao Ministério da Justiça que abra procedimento de responsabilidade administrativa, civil e penal para apurar os questionáveis atos a delegada da PF em SC, Érika Marena, que fez os pedidos de prisão.

Desproporcionalidade
Os tucanos catarinenses vão de Marconi Perillo, governador de Goiás, para a presidência nacional do partido, que faz sua convenção dia 9 de dezembro. As projeções indicam que SC deve entregar os 38 votos (o terceiro maior número de convencionais por Estado, depois de São Paulo, com 135, e Minas Gerais, 77) para Perillo, numa demonstração da força de Paulo Bauer, líder do partido no Senado.

Etnias
Pesquisa nacional divulgada pelo IBGE na sexta-feira, confirmou o que se sabia, mas agora com dados mais atualizados: 84,1% dos 7 milhões de catarinenses são brancos, contra 13,1% pardos e 2,5% pretos. É o estado que tem, proporcionalmente, a população mais branca do país e o com menos pardos e negros. Na outra ponta está a Bahia: 17,8% de brancos, 61,5% de pardos e 20 de negros.

Excelência
Criada há 40 anos, a discreta Fundação Pró-Rim de SC apresentou uma espécie de balanço, semana passada, no qual contabiliza, nesse tempo, mais de 80 mil sessões de hemodiálise, cerca de 1.500 transplantes, um índice de sobrevida dos pacientes de 90% (equiparável aos do Japão), e de uma taxa de satisfação dos serviços que chega a 97%. Parabéns.

Descontrole
Como se trata de empresa pública, se questiona: de que serviram os vários concursos públicos feitos pela Casan nos últimos cinco anos se agora anuncia um programa de demissão voluntária incentivada, que de cara atraiu 700 dos 2.500 funcionários? Uma demonstração de absoluta falta de planejamento na área de pessoal da estatal. E quem vai arcar com a conta? Quanto desperdício!

Campanha
Se fosse publicar a agenda da pré-campanha eleitoral de todos os pré-candidatos declarados (fora os não declarados ainda) ao governo de SC em 2018, não sobraria espaço, aqui, para outras informações mais interessantes.

Herbicida
O brasileiro começa a odiar a atitude de magistrados que após meses e até anos de tramitação de um processo, no dia do julgamento, como se não tiveramtempo suficiente, pedem vista. Foi isso que fez sexta-feira o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em recurso que discute a competência do município de Saudades, em SC, para editar lei que impôs restrição ao uso de herbicida.

Diferença salarial
Levantamento do Ministério do Trabalho mostra que SC, depois de São Paulo e Rio de Janeiro, é o Estado onde o salário médio das mulheres é inferior ao dos homens. Aqui é de 80,4%. Em São Paulo é de 80,1% e Rio de 80,2%. A menor desigualdade está no Distrito Federal, 98,6%.

Drones
A Fatma usou drones, pela primeira vez, semana passada, em teste de uso futuro em licenciamento ambiental. Foi no Complexo Eólico Contestado, em Água Doce, no oeste. Para lembrar: quando este investimento estava em obras, um bando de ambientalistas tentou embargá-lo. Descobriram que exatamente lá, dentre milhares de quilômetros de área livre, as pás dos aerogeradores iria ser um enorme obstáculo na rota de pássaros.

DETALHES
Consumismo é isso. A Adidas começou sábado a vender uma nova versão do tênis assinado pelo rapper americano Kanye West. Custa R$ 1,2 mil. No Rio de Janeiro uma fila se formou já na quinta-feira na porta da loja da marca, em Ipanema.

Os conhecidos restaurantes Maurílio, Oliveira e Oliveira, Cle e Maurílio Nunes Filho poderão seguir atuando na praia da Joaquina, em Florianópolis, até o julgamento da decisão da 6ª Vara Federal pela demolição e recuperação da área ocupada, a 100 metros do mar.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio