Dupla é condenada por quatro roubos cometidos na região

Vladimir Ribeiro dos Santos e Cleiton Kniss praticaram os crimes no começo do ano

Dupla é condenada por quatro roubos cometidos na região

Vladimir Ribeiro dos Santos e Cleiton Kniss praticaram os crimes no começo do ano

A Justiça de Brusque condenou, em 15 de setembro, a dupla Vladimir Ribeiro dos Santos, 21 anos e Cleiton Kniss, 24, por quatro roubos cometidos na região. Santos recebeu pena de nove anos e dois meses e Kniss 12 anos e dez meses de prisão, em regime fechado.

Os dois estão presos desde 7 de fevereiro, após assaltarem um supermercado no bairro Guarani. Eles foram presos em flagrante e com eles foram encontradas as duas armas utilizadas no crime, o dinheiro roubado, além de uma quantidade de drogas.

Segundo a denúncia, a dupla vinha sendo investigada pelas polícias Civil e Militar por outros três roubos ocorridos em Brusque e Nova Trento no fim de janeiro.

Como Kniss já havia sido identificado, os policiais trabalhavam no caso e, inclusive, já formulavam o pedido de busca e prisão contra a dupla. No mesmo dia da prisão, uma equipe de policiais fazia diligências pela cidade, quando souberam do assalto ao supermercado.

Como o modo de atuação dos criminosos era o mesmo da dupla investigada, os policiais foram até a casa de Kniss, no bairro Rio Branco, e encontraram os dois em uma residência.

Kniss e Santos confessaram o crime e o primeiro ainda indicou que em sua residência havia uma quantidade de maconha.

Os dois também foram denunciados e condenados pelos roubos cometidos em um posto de combustíveis, no dia 24 de janeiro, em Dom Joaquim, em Brusque, e a um cliente do estabelecimento. No mesmo dia, eles também assaltaram outro posto de combustíveis, no bairro Claraíba, em Nova Trento.

A dupla foi absolvida por apenas um dos crimes denunciados: um assalto a uma lanchonete no Cedro Alto, ocorrido em 2 de janeiro.

Contra Santos ainda havia um mandado de prisão em aberto, expedido pela Comarca de Lages, de onde estava foragido.

Aos dois não foi concedido o direito de recorrer em liberdade.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio