Encontro na Fecomércio fomenta desenvolvimento do turismo no Vale do Itajaí

Promovido pelo Sindilojas Brusque o encontro reuniu prefeitos, vereadores e lideranças empresariais de seis municípios

Encontro na Fecomércio fomenta desenvolvimento do turismo no Vale do Itajaí

Promovido pelo Sindilojas Brusque o encontro reuniu prefeitos, vereadores e lideranças empresariais de seis municípios

Com o intuito de fortalecer as relações entre a Fecomércio-SC, Sesc e Senac e fomentar o turismo da região do Vale do Itajaí, o Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Brusque, Botuverá e Guabiruba (Sindilojas), promoveu um encontro na sede da Fecomércio-SC em Florianópolis, na manhã desta quarta-feira, 26.

O evento inédito contou com a presença de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e empresários dos municípios de Brusque, Guabiruba, Botuverá, Nova Trento, São João Batista e Gaspar, além de lideranças de entidades como CDL Brusque, OAB-SC, Santur, Ampebr, Acibr e Brusque Jeep Clube.

O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio-SC), Bruno Breithaupt, enalteceu a importância do encontro. “Temos que trazer os empresários e os políticos para dentro da federação a fim de termos um estado melhor e cidades melhores”.

O presidente do Sindilojas Brusque, Marcelo Gevaerd, fez um apelo a todos para não pensarem em cada cidade de forma isolada. “No associativismo usamos a premissa de que juntos somos mais fortes e podemos ir muito mais longe e é exatamente aí que entra essa visão macro, essa visão de que podemos unir nossas cidades e trabalharmos o desenvolvimento da nossa região”.

Gevaerd fez questão de destacar o potencial turístico de cada município, dizendo que não faltam atrativos para os moradores e turistas que os visitam. “Peço a união de toda classe política, dos empresários, para que façamos projetos em prol do desenvolvimento da nossa região. Aos prefeitos e vereadores que aqui estão, peço que vejam nos empresários do comércio e em todo Sistema Fecomércio, verdadeiros aliados na realização de projetos e leis em prol dos municípios. Vamos criar um nome para nossa região e torná-la portas abertas a quem quiser nos visitar”.

O presidente do Sindilojas Gaspar, Francisco Hostins Junior, falou de leis que sejam favoráveis ao comércio de bens, turismo e serviços e que podem ser aprovadas nos municípios e gerar maior desenvolvimento aos empresários do setor.

Já Anderson Marchi, presidente do Sincovati, cobrou mais comprometimento da classe política no desenvolvimento turístico da região, independente de partidos ou mandatos. “Não adianta só falarmos, precisamos de ações. Vocês prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, são funcionários públicos. Usem esse mandato para também plantar sementes. Sei que é um mandato curto, de quatro anos, mas os senhores serão lembrados lá na frente pelas sementes que plantaram”.

O prefeito de Gaspar, Kleber Wan-Dall, colocou o município à disposição de futuras parcerias com as demais cidades e disse que isso é fundamental para o desenvolvimento da região.

Para o prefeito de Brusque, Jonas Paegle, o encontro foi extremamente positivo e esclarecedor. “Saio daqui com uma visão mais ampla do que a Fecomércio, Sesc e Senac representam em nosso estado e da oportunidade de ser nossa aliada. Temos um corredor turístico na nossa região e precisamos nos organizar, nos unir e trabalharmos para ideias únicas e solução de problemas em comum”.

O prefeito de Guabiruba, Matias Kohler, destacou que é necessário o entendimento de que “somos um grupo só” e demonstrou o interesse do município em ser parceiro no projeto de desenvolvimento turístico da região.

Alcir Merizio, prefeito em exercício de Botuverá, comentou que a cidade tem um potencial turístico enorme, mas precisa de parcerias. “O poder público hoje faz o que pode pelo turismo, mas não conseguimos fazer o necessário. Temos um projeto para as cavernas, que é um sonho, mas faltam recursos e estamos buscando parcerias para poder tocar nosso turismo”.

Consórcio Intermunicipal
O prefeito de Nova Trento, Gian Francesco Voltolini, lançou a ideia de um consórcio intermunicipal para alavancar o turismo na região. “Hoje não temos um diagnóstico dos turistas que visitam as cidades. É aí que o consórcio entra, nesse planejamento, em buscar o que temos de melhor e as melhores pessoas do estado para fazermos um plano intermunicipal de turismo”.

Na ocasião, Voltolini apresentou o projeto Vale Sagrado Catarinense, que deverá ser administrado por um consórcio intermunicipal. Segundo o prefeito, seis municípios (Nova Trento, São João Batista, Canelinha, Major Gercino, Angelina e Tijucas) já assinaram o consórcio, que aguarda a assinatura do município de Brusque. Porém, o projeto poderá se estender também às cidades de Guabiruba, Botuverá e Gaspar, se houver interesse.

Anúncio de investimentos
Durante o encontro, a Fecomércio-SC apresentou todos os trabalhos que realiza, bem como suas bandeiras e os projetos realizados pelo Sesc e Senac no estado.

Na capital catarinense do calçado será construído um Centro de Eventos e Escola Sesc, com investimentos estimados em R$ 6,4 milhões. O projeto terá início na segunda quinzena de agosto.

Em Brusque há dois projetos em andamento: adequação do espaço que já existe nas áreas administrativa e desenvolvimento físico esportivo do Sesc, sendo aproximadamente R$ 4,5 milhões em investimento; e a construção de uma nova Escola do Sesc, estimado em R$ 25 milhões, como informado na edição de ontem.

Já Guabiruba deverá receber uma quadra comunitária, cujo projeto e estimativa de investimento ainda estão em estudos.

Na avaliação do presidente da Fecomércio-SC, o encontro foi muito produtivo, com perspectivas futuras de maior desenvolvimento da região. “Nós temos no turismo nossa preocupação. Acredito que os municípios estão no caminho certo, mas precisam se unir. Temos que conhecer o perfil do nosso turista e aplicar estratégias para fixá-lo na região”, afirmou.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio