Espetáculo de dança brusquense aborda os sete pecados capitais

Peccato, do grupo Lana Madena, será apresentado nos dias 18, 19, 20 e 21 de maio, às 20h30, no teatro do Cescb

Espetáculo de dança brusquense aborda os sete pecados capitais

Peccato, do grupo Lana Madena, será apresentado nos dias 18, 19, 20 e 21 de maio, às 20h30, no teatro do Cescb

O grupo de dança Lana Madena apresenta nesta semana, em quatro sessões, o espetáculo Peccato. A apresentação, que tem duração de 1h20, retrata, por meio da dança, a história dos sete pecados capitais: gula, preguiça, avareza, luxúria, ira, inveja e soberba.

Uma das criadoras do grupo, a bailarina Naira Batisti conta que Peccato surgiu após a grande repercussão do espetáculo Marias, apresentado pelo grupo em 2015. O sucesso empolgou as bailarinas que logo começaram a pensar em um tema para o próximo espetáculo.

Criadoras do grupo ao lado de Naira, Ana Paula Benvenutti, Débora Carvalho, Mariangela Belli e Larissa Maria Fischer se reuniram e, após discutirem vários temas, chegaram aos sete pecados capitais.

“Gostamos muito deste tema, mas pensamos que é um tema pesado e como no Marias passamos uma mensagem positiva, começamos a pensar em uma forma de abordar o tema de forma leve, porque ainda existe um certo preconceito sobre o assunto”, diz.

Após muita discussão, as bailarinas chegaram à conclusão de que abordar o tema dos sete pecados capitais dentro de uma temática circense seria o ideal para alcançar a leveza que elas queriam dar ao espetáculo.

“Todo o espetáculo vai acontecer dentro de um circo, os figurinos são lúdicos, as coreografias também são bem lúdicas abordando os temas. Queremos que as pessoas reflitam que pecar não é um absurdo, todos pecam e, se for dosado, é benéfico, ter gula, ter preguiça, é normal”, destaca.

O espetáculo Peccato é formado por 18 bailarinas adultas de várias academias e estúdios de dança de Brusque. A ideia do grupo é promover a interação entre as bailarinas do município. “O grupo é bastante diversificado, a ideia foi realmente unir as diferentes tribos”.

A criação
Naira explica que o grupo trabalha há cerca de um ano e meio na criação e montagem do espetáculo. Antes de ensaiar e montar a coreografia, as cinco fundadoras do grupo fizeram todo o trabalho de pesquisa para montar a base do espetáculo, só depois é que iniciou o processo criativo da coreografia em si.

Além de responsáveis pelas coreografias, as bailarinas também desenvolveram os figurinos e os cenários usados no palco. “Temos uma costureira que nos auxilia, faz o trabalho prático e nos ajuda na parte criativa”.

A expectativa para os quatro dias de apresentações do espetáculo Peccato é bastante grande entre o grupo. Os ingressos estão à venda e para as apresentações de hoje e amanhã já estão quase esgotados.

“Estamos muito felizes, os ingressos estão com uma boa procura. O espetáculo todo, do início ao fim, é produzido por pessoas da cidade, e isso é muito bacana. Mostramos que é possível desenvolver um trabalho grandioso e de qualidade”.

Serviço
O que: Espetáculo Peccato
Quando: 18, 19, 20 e 21 de maio
Onde: Teatro do Cescb
Horário: 20h30
Quanto: R$ 35
Pontos de venda:
Posto Havan – ao lado do centro administrativo da loja Havan
Studio Naira Batisti – rodovia
 Antônio Heil, 350, sala 401. Telefone: 3308-0690
Joalheria Carvalho – travessa Guilherme Krieger Jr., 39, sala 3, no Centro. Telefone: 3396-6532

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio