Evento alusivo ao Outubro Rosa reúne grande público na OAB Brusque

Psicóloga Flávia Pereira Albani palestrou no encontro na terça-feira, 17

Evento alusivo ao Outubro Rosa reúne grande público na OAB Brusque

Psicóloga Flávia Pereira Albani palestrou no encontro na terça-feira, 17

A cor rosa predominou na noite de terça-feira, 17, na sede da OAB Subseção de Brusque, quando mulheres advogadas e de toda comunidade foram convidadas para o evento ‘Outubro Rosa: não dê chance ao câncer de mama’.

Promovido pela Caixa de Assistência dos Advogados de Santa Catarina (Caasc) e pela Comissão da Mulher Advogada da OAB Subseção Brusque, o evento teve por objetivo chamar a atenção para a prevenção do câncer de mama, considerado um dos tipos que mais mata mulheres em todo o mundo.

Neste ano, a programação contou com a palestra da psicóloga Flávia Pereira Albani, que falou sobre a importância da terapia no processo de cura do câncer. Além disso, a programação do evento incluiu um desfile com looks da Sly Wear e Lemus Calçados, exposição de veículos, coquetel e sorteio de presentes.

A palestra
Na oportunidade, a psicóloga Flávia dividiu com o público, formado por 130 mulheres, sua vivência com o câncer que teve, aos 17 anos, e questionou as participantes sobre o que pensam quando ouvem a palavra câncer. O momento de reflexão contou com a participação de muitas mulheres, que entre outras palavras destacaram sofrimento, morte, perda de cabelo e aprendizado.

Segundo a psicóloga, a ideia de câncer vem mudando com o passar do tempo. Hoje, as pessoas têm muito mais acesso a diagnósticos e tratamentos. Além disso, Flávia enalteceu a importância dos questionamentos sempre que alguém receber o diagnóstico da doença.

Segundo a psicóloga, a ideia de câncer vem mudando com o passar do tempo/ Ideia Comunicação/Divulgação

Grande participação
De acordo com o presidente da OAB Brusque, Renato Munhoz, é uma satisfação muito grande para a subseção, receber inúmeras mulheres da sociedade brusquense, que lutam dia a dia para ter uma comunidade melhor junto às suas famílias.

“No ano passado falamos da conscientização sobre o câncer de mama. Mas, em 2017, em conversa com a Comissão da Mulher Advogada, foi mencionada a necessidade de um olhar mais voltado para a parte psicológica de quem é afetada pelo câncer. Então fizemos o convite para a Dra. Flávia dividir conosco a angústia que ela já sentiu ao ser acometida pela doença, essa experiência de vida e as orientações terapêuticas caso alguém venha a sofrer desse infortúnio”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio