Falta de repasse do governo do estado paralisa obra na rua Bulcão Viana

Prefeitura afirma que aguarda posicionamento da ADR para retomar os trabalhos

  • Por Redação
  • 8:33
  • Atualizado às 9:53

Falta de repasse do governo do estado paralisa obra na rua Bulcão Viana

Prefeitura afirma que aguarda posicionamento da ADR para retomar os trabalhos

  • Por Redação
  • 8:33
  • Atualizado às 9:53
  • +A-A

Pouco mais de um mês após ser iniciada, a obra de drenagem e pavimentação da rua Bulcão Viana – localizada entre os bairros Souza Cruz e Azambuja – foi paralisada devido à falta de repasse de recursos do governo do Estado.

A quantia, que seria de R$ 1,2 milhão, é oriunda de convênio firmado em abril deste ano entre a Agência de Desenvolvimento Regional de Brusque (ADR) e a Prefeitura de Brusque. Segundo o secretário da ADR, Ewaldo Ristow Filho, a administração municipal iniciou a obra antes de receber o repasse.

“A prefeitura fez por conta própria. Nenhuma parcela do repasse chegou ainda. E não chegou por questão de falta de recursos financeiros disponibilizados no Estado. Há vários convênios que não foram repassados e outros que estão sendo repassados”, explica.

Questionada sobre a paralisação, a Secretaria de Obras diz, por meio da assessoria de imprensa, que aguarda posicionamento da ADR e que até o momento foi executada a implantação da microdrenagem e da macrodrenagem pluvial.

Transtornos

Com a paralisação das obras, os motoristas que trafegam pela Bulcão Viana enfrentam transtornos: há buracos em praticamente toda a extensão da rua. Proprietário de uma clínica veterinária localizada no local, José Antonio Gesser Junior diz que a via está “um caos”.

“Está em estado de caos. Difícil demais de transitar. Dá poeira e barro, está feia mesma a situação. Não entendemos porque a prefeitura começou nessa data. E nos deram o aviso de obra bem em cima da hora, sem o mínimo de planejamento”, lamenta.

O presidente da Associação de Moradores da Rua Bulcão Viana e Adjacências (Ambavia), Vilmar Araldi, também conta que a via está causando transtornos e que os moradores estão reclamando constantemente.

“A via não tem condições de tráfego. A obra é essencial, estamos pedindo há tempos até porque não há drenagem na rua. Mas o problema é que foi paralisada. Esperamos que se resolva”, diz.

Para tentar solucionar os problemas, moradores da rua devem se reunir com o prefeito José Luiz Cunha, o Bóca, na manhã de hoje.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio