Fluminense vence São Paulo e time paulista volta a se complicar no Brasileirão

Derrota por 3 a 1 pode recolocar tricolor paulista na zona de rebaixamento, dependendo do complemento da rodada

Fluminense vence São Paulo e time paulista volta a se complicar no Brasileirão

Derrota por 3 a 1 pode recolocar tricolor paulista na zona de rebaixamento, dependendo do complemento da rodada

 

No duelo de tricolores, melhor para o carioca. Fluminense e São Paulo se encontraram no Maracanã com o claro objetivo de afugentar os males do rebaixamento, mas nesse quesito quem se deu melhor foi o time dono da casa.

O Flu venceu o duelo por 3 a 1 e subiu na tabela, enquanto o adversário fica em situação delicada na tabela, podendo inclusive voltar à zona de rebaixamento dependendo do complemento da rodada, que será na noite desta quinta-feira, 19.

Gols e polêmica
O Fluminense teve mais atitude nos primeiros 45 minutos, e com isso foi coroado. A equipe aproveitou o Maracanã com bom público para construir uma vantagem diante do São Paulo. O primeiro gol foi marcado aos 22 minutos. Júnior Tavares tocou bola com a mão na área e o árbitro marcou pênalti, não desperdiçado pelo artilheiro do Brasileirão, Henrique Dourado, que chegou aos 16 gols.

Já aos 22, no segundo gol do tricolor carioca, um momento de polêmica: Gustavo Scarpa deixou o corpo para o zagueiro Rodrigo Caio cair, o meia pegou a bola, invadiu a área e tocou para trás. Sornoza aproveitou para estufar as redes de Sidão e deixar o Flu na boa. O São Paulo ensaiou uma pressão na reta final do primeiro tempo, mas não conseguiu balançar as redes.

Pressão de um lado, gol do outro
O São Paulo partiu para cima, enquanto o Flu adotou postura defensiva. O problema do tricolor paulista é que faltava efetividade nas jogadas de ataque. Poucos lances realmente assustavam o goleiro Diego Cavalieri. Para piorar, o time da casa foi eficiente em seus contra-ataques.

Aos 37 minutos, Robinho entrou para a história da partida. Ele sofreu pênalti de Arboleda, chamou a responsabilidade, cobrou e marcou o terceiro do tricolor. Quando tudo parecia decidido, Shaylon marcou gol aos 43 minutos e deu uma apimentada no jogo. Mas foi o suspiro final do duelo de tricolores. Fim de partida: 3 a 1 no Maracanã.

Corinthians 0x0 Grêmio
Nada de gols no confronto de líder e vice. Melhor para o Timão, que mantém os mesmos nove pontos de diferença do tricolor gaúcho. Como busca a posição do Corinthians, o Grêmio teve postura um pouco mais ofensiva, mas também era cauteloso com sua defesa. As melhores e mais claras chances foram dos visitantes, contudo faltou coragem para as duas equipes no sentido de buscar o gol. O resultado não poderia ser outro.

Atlético-MG 2×3 Chapecoense
Vitória heroica da Chape! O time conquistou um triunfo fora de casa, importantíssimo na luta contra o rebaixamento. Quem começou vencendo foi o Atlético-MG, que marcou com Valdivia aos oito do primeiro tempo. Já aos 30, Wellington Paulista deixou tudo igual. A virada veio ainda no primeiro tempo, com Canteros. Fred chegou a marcar o gol de empate mas, aos 34 do segundo tempo, Luiz Antonio balançou as redes e deu a vitória ao Verdão do Oeste.

Atlético-GO 0x1 Vasco
Contra o lanterna do campeonato, o Vasco não deu bobeira. A equipe voltou de Goiás com três pontos na bagagem, e vive uma grande fase depois da chegada do técnico Zé Ricardo. O único gol da partida foi contra, aos 29 do primeiro tempo: Rios cruzou bola rasteira para a área do Dragão e Jonathan, lateral, chutou contra o próprio patrimônio. A partida foi realizada no Serra Dourada.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio