Fundema resgata filhote de lagarto que invadiu residência

O réptil foi prontamente levado de volta à floresta

Fundema resgata filhote de lagarto que invadiu residência

O réptil foi prontamente levado de volta à floresta

A Fundação Municipal do Meio Ambiente (Fundema) recebeu na tarde desta quarta-feira, 21, uma ligação de moradores do bairro Santa Rita, que tiveram a residência invadida por um folgado filhote de lagarto. Os fiscais da fundação foram até o local e resgataram o lagarto Teiú, espécie muito comum no Brasil. Prontamente o réptil foi levado à floresta, seu habitat natural.

Nesta época é comum pessoas que moram próximo a áreas verdes se depararem com este animal, que geralmente estão a procura de água, comida e sol. Se atacado, ele primeiro tenta fugir, mas, se impedido, desfere golpes violentos com a cauda. Outro mecanismo de defesa é a mandíbula: a mordida de um teiú adulto é tão poderosa que pode esmagar dedos humanos. Os teiús nascidos em cativeiro, no entanto, costumam ser dóceis.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio