Depois de um novo rebaixamento na Série A do Brasileiro, o Goiás tem acumulado fracassos. Na Copa do Brasil, foi eliminado na primeira fase para o Boavista (RJ). No Campeonato Goiano, se classificou no quarto lugar de um grupo de seis equipes, e nas quartas de final acabou caindo justo contra o rival da Série A, o Atlético. Caiu levando um 3 a 0 no estádio da Serrinha, e fora de casa não saiu do 0 a 0. Chega à Série B com “férias” forçadas de quase um mês. Então, naturalmente, há uma desconfiança.

Desde as últimas semanas do Campeonato Goiano, a diretoria tenta uma reformulação do elenco para tornar a equipe apta a lutar pelo acesso, com vários reforços em todas as posições. Contudo, a defesa, enfraquecida, segue sendo uma área carente.

Alef Manga, destaque do Volta Redonda (RJ), chega por empréstimo. Chegam também Albano (ex-Aparecidense), e Bruno Mezenga (ex-Ferroviária). Portanto, é esperado um time mais competitivo. Houve mudanças também no comando técnico. Pintado, treinador que subiu à Série A com o Juventude, chegou e estreou no empate em 0 a 0 com o Atlético-GO, na despedida do estadual.

Destaques


Alef Manga Goiás
Alef Manga: foi artilheiro do Campeonato Carioca, com nove gols pelo Volta Redonda. Aos 26 anos, começa a despertar o interesse dos grandes clubes. É conhecido do Brusque por ter marcado três gols no infame 8 a 1 na Série C. Sua chegada ao Esmeraldino foi marcada pela declaração desastrosa de que esperava, ao fim do ano, sair do Goiás para um “time grande”.


Albano Goiás
Albano
: com a carreira toda no futebol goiano, obteve destaque atuando pela Aparecidense no estadual. Foi bem também na temporada 2020, chegando às quartas de final da Série D, nas quais a Aparecidense foi eliminada pelo Mirassol. Tem 23 anos e chega para lutar por posição, concorrendo principalmente com Elvis.

Bruno Mezenga Goiás
Bruno Mezenga: foi o artilheiro do Campeonato Paulista, com nove gols em 12 jogos pela Ferroviária. Formado no Flamengo, passou vários anos no futebol turco, e ao longo da carreira passou por Sérvia, Polônia e Tailândia. Também esteve no Vila Nova em 2019 e, provavelmente, vive seu melhor momento no futebol brasileiro desde que surgiu na Gávea.


Goiás
Esporte Clube

Goiânia (GO)
Fundação: 6 de abril de 1943
Estádio: Serrinha (próprio) – 10 mil lugares
Presidente: Paulo Rogério Pinheiro
Técnico: Pintado
Material esportivo: GR33N
Principais títulos: 2 Série B (1999 e 2012) e 28 estaduais (1966, 1971, 1972, 1975, 1976, 1981, 1983, 1986, 1987, 1989, 1990, 1991, 1994, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000, 2002, 2003, 2006, 2009, 2012, 2013, 2015, 2016, 2017 e 2018).
Vs. Brusque: sem jogos oficiais
Copa do Brasil 2021: 79º – eliminado na primeira fase
Goiano 2021: 7º – eliminado nas quartas de final


Foto: Pintado subiu com o Juventude e quer repetir a dose no Goiás | Goiás/Divulgação


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Deixe uma resposta