Idosa relata momentos de terror em poder de assaltantes, em Blumenau

Ela foi atacada por dois homens que tentaram furtar a casa do irmão dela

Idosa relata momentos de terror em poder de assaltantes, em Blumenau

Ela foi atacada por dois homens que tentaram furtar a casa do irmão dela

A senhora de 66 anos que foi agredida em um assalto na rua Curt Georg, bairro Itoupava Central, em Blumenau, na tarde desta quarta-feira, 17, desabafou sobre o ataque. Vítima de chutes, socos e ameaças de morte, ela está com o braço quebrado e a boca inchada por conta das agressões. Também está com medo, e por isso pediu para não ser identificada.

Diferente do que se acreditava até então, ela não era a proprietária da casa que foi alvo dos bandidos. Quem morava no local era o irmão dela, que não estava em casa. Vizinha aos fundos do terreno, ela foi até o imóvel quando viu um carro entrando na garagem.

Imaginando que se tratava de uma visita, quis alertar os dois homens que estavam no Voyage branco de que o irmão havia saído. Porém, foi recebida a socos e chutes antes mesmo de reagir ao que descobriria ser um assalto.

“Eles me puxaram para dentro e começaram a me dar socos e me bater. Me jogaram no chão e falaram que se eu gritasse iam me matar. Pediam dinheiro e eu disse que não tinha”, relata a vítima.

Segundo ela, os bandidos estavam de rostos à mostra e arrombaram a porta para entrar na casa do irmão. Eles pediam por dinheiro enquanto ela implorava pela vida.

“Eu gritava de dor e pedia: ‘me solta. Não me mata. Eu não tenho dinheiro. Eu nem moro aqui’”, conta.

Em seguida, ela foi deixada dentro de um quarto e os criminosos fugiram com uma televisão. De acordo com a PM, o veículo tinha placas de Balneário Barra do Sul, no Norte de Santa Catarina.

A vítima foi atendida pelo Samu e deve ir ao ortopedista na tarde desta quinta, para examinar a mão esquerda fraturada. Ela também relata que não conseguiu dormir depois do susto e que continua com muitas dores.

Furto no bairro
Pouco antes, por volta das 15h45, um veículo com as mesmas características havia furtado uma residência na rua Alvin Schwanke, também na Itoupava Central. O vizinho ligou para a dona da casa para avisar que a casa havia sido invadida por dois homens que dirigiam uma Voyage branca. Eles arrombaram a janela lateral e furtaram um notebook, uma televisão e um receptor.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio