Com objetivo de ser a maior festa das tradições trentino-italianas de Santa Catarina, a Incanto Trentino foi criada em 1988.

Incentivado pelo escritor italiano Renzo Grosseli, que permaneceu por um ano em Nova Trento pesquisando sobre os imigrantes, o Circolo Trentino criou a festa, que teve a primeira edição realizada entre 14 e 16 de outubro. Inicialmente, o evento ficou conhecido como festa do vinho neotrentino.

Hoje a intenção é resgatar os costumes e tradições dos trentinos que imigraram para Nova Trento, como o dialeto italiano, as canções e a culinária típica.

Wilson Mario Sgrott, o Vita, foi uma das pessoas que participou da criação e organização da festa. Ele conta que a preocupação em resgatar as tradições se deu ao perceber que com o passar do tempo, elas estavam sendo deixadas de lado.

Na época, os organizadores perceberam que municípios da região possuíam festas com o objetivo semelhante, como Brusque com a Fenarreco, Blumenau com a Oktoberfest e Itajaí com a Marejada.

Sabendo que Nova Trento tinha uma cultura rica, surgiram os questionamentos do porquê não havia uma festa cultural também no município. “O grupo do Circolo Trentino se reuniu várias vezes e concluiu que era viável e deveria ser feito”, lembra Vita.

Prefeitura de Nova Trento / Divulgação

No primeiro momento, a data para a realização da festa ficou definida para outubro, por ficar próximo das festividades dos outros municípios. Com isso, a organização acreditou que conseguiria atrair também o público que participava das festas da região.

Entretanto, após dez anos de Incanto Trentino, a organização decidiu alterar a data para comemorar as tradições italianas junto com o aniversário do município.

Assim, as festividades foram transferidas para agosto, próximo da data em que Nova Trento celebra a emancipação político-administrativa.

Hino do Circolo Trentino

Na década de 1980, Nova Trento recebeu uma biblioteca com mais de mil exemplares. Com o livro escrito por Grosselli “Vincere o Morire” (Vencer ou Morrer, em português), os jovens estudantes em Trento contribuíram para a divulgação do município.

Dentre os livros recebidos, estavam alguns de cantos que o Grupo Folclórico Trentino, de Nova Trento, passou a cantar. Mas, um deles tocou no coração de todos, que era chamado de Incanto Trentino.

De autoria do italiano Gino Creazzi, a canção identifica em muito as raízes trentino-italianas. Por isto, os entusiastas declararam ser provisoriamente o hino do Circolo Trentino.

Com o amadurecimento do evento “Festa do Vinho Neotrentino”, foi escolhido então o nome Incanto Trentino para batizar a festa das tradições do município.

Prefeitura de Nova Trento / Divulgação

Maior edição da história

Neste ano, a 27ª edição promete ser a maior da história. Serão mais de 10 mil metros de área ocupada no ginásio de esportes Inácio Gulini, no Centro de Nova Trento.

Pelo segundo ano, a festa é realizada pela Neotur, que tem como objetivo tornar, nos próximos três a cinco anos, a maior festa cultural italiana de Santa Catarina.

Uma das novidades da edição é o palco cultural, que foi montado logo na entrada da festa. A intenção é fazer com que aconteçam apresentações durante toda a festa e todo o público possa ter acesso a toda a programação.

Neste espaço ainda haverá a exposição de veículos de uma revendedora, além da degustação de vinhos Vô Luiz e Girola. Um caminhão com bolachas caseiras de Antônio Carlos também estará no evento.

Para as crianças, um parque de diversões estará à disposição durante os quatro dias.

Dentro do ginásio, foi montada uma área de exposição, em que 20 estandes trarão produtos de artesanatos e agricultura para expor e vender durante a festa.

A parte de trás deu lugar para a área gastronômica, em que 20 estandes de alimentação oferecerão produtos diversos com preços acessíveis. Diferente do ano passado, não haverá a área de restaurante.

Um dos organizadores do evento, André Aladeu Orsi, explica que após uma análise dos pontos positivos e negativos da edição anterior, foi decidido por não haver o espaço. “Assim conseguimos colocar mais barraquinhas de comidas e diversificar a gastronomia”, comenta.

No pavilhão principal terá a presença dos vinhos Vô Luiz e Girola, bem como a cervejaria Alfero. Será neste espaço também em que ocorrerão as competições e as apresentações principais, em um palco de 20 metros de comprimento por 22 metros de largura.

Letra da música que deu origem ao nome da festa:

Incanto Trentino

Fiori, montagne e vino:
L’incanto son del Trentin
Primavera già bussa alla porta;
ogni valle è un tappeto di fiori
già la neve s’è sciolta col sole:
ora è festa di colori.
I laghetti si vestono a festa
com le primule e le genziane
e il paesaggio ancora più bello sarà…
dopo um goccio di grappe nostrane!

Fiori, montagne e vino:
L’incanto son del Trentin

Poi l’estate arriva sui monti;
fra le cime e strapiombi più arditi
è un incanto goder la natura
sulle belle Dolomiti

Al tramonto puoi sempre ascoltare
qualche coro dal Brenta e dal Sella;
mentre il nostro Bondone com noi canterà
“Paganella sei sempre più bella!”

Fiori, montagne e vino:
L’incanto son del Trentin!

In autunno si tingono i boschi
coi colori dell’arcobaleno;
c’è nell’aria un odor di vendemmia
sotto un cielo che è sereno

Se non bevi un bicchiere del “nostro”,
sia Teroldego o sia Marzemino,
non potrai mai sapere il buon vino cos’è…
è uma gloria del nostro Trentino!

Fiori, montagne e vino:
L’incanto son del Trentin!

Fiori, montagne e vino:
L’incanto son del Trentin!


Você está lendo: – Festa nasce para resgatar tradições


– Introdução
– Programação
– Sabor da Itália em cada prato
– Bebidas para todos os paladares
– Desfile leva tradições para rua
– Música, Dança e Teatro para celebrar
– Dez jovens concorrem à realeza
– Italianinhas disputam coroa
– Competições relembram lazer dos antepassados

Deixe uma resposta