Investigação conclui que racha motivou a morte de batistense

O culpado, Tiago Vermohlen, foi indiciado por homicídio doloso

Investigação conclui que racha motivou a morte de batistense

O culpado, Tiago Vermohlen, foi indiciado por homicídio doloso

A investigação sobre a causa do acidente que matou a batistense Giovana Carla Becker, em agosto de 2012, foi encerrada na quarta-feira, 22 de janeiro.

O delegado da Polícia Civil de São João Batista, Angelo Moreno Cintra Fragelli, afirmou que um racha teria motivado o acidente. “A morte foi resultado de um racha. Indiciei o culpado, Tiago Vermohlen, por homicídio doloso, quando há a intenção de matar”, informa.

Giovana conduzia um VW Fox em direção a São João Batista pela SC-410, quando colidiu com um Fiat Palio, de Tijucas, no bairro Rio do Braço. Ela morreu na hora. Os dois passageiros do outro veículo precisaram ser conduzidos ao Hospital Municipal Monsenhor José Locks, mas apenas com ferimentos leves. 

No dia do acidente, inicialmente constatou-se que a culpa não teria sido nem de Giovana, nem do condutor do outro veículo. A Polícia Civil iniciou as investigações e passou a ouvir testemunhas até concluir o inquérito. 
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio