Prefeito eleito Jonas Paegle prevê apenas oito secretarias em seu governo

Planos incluem transformar diversas pastas em diretorias, para redução de custos da Prefeitura de Brusque

Prefeito eleito Jonas Paegle prevê apenas oito secretarias em seu governo

Planos incluem transformar diversas pastas em diretorias, para redução de custos da Prefeitura de Brusque

O governo do prefeito eleito Jonas Paegle (PSB) e do vice-prefeito eleito Ari Vequi (PMDB) planeja enviar entre fevereiro e março para a Câmara de Vereadores uma ampla reforma administrativa, a qual prevê a manutenção de apenas oito das mais de 20 pastas com status de secretaria que existem atualmente.

Em entrevista ao Município Dia a Dia, Paegle e Vequi disseram que a redução dos custos da máquina pública se trata de uma prioridade da gestão, e que isso só será possível com a redução do número de pastas.

Serão mantidas as seguintes secretarias: Fazenda, Educação, Saúde, Obras, Comunicação, Assistência Social e Desenvolvimento Econômico. Ainda será criada mais uma, a Secretaria de Planejamento, que tomara o lugar do atual Instituto Brusquense de Planejamento (Ibplan).

Além disso, permanecerão com status de primeiro escalão os diretores-presidentes do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) e Instituto Brusquense de Previdência (Ibprev), que têm orçamentos próprios. Também permanece a Procuradoria Geral do município.

Outras pastas irão perder o status de primeiro escalão, como a Fundema, Fundação Cultural, Fundação de Esportes, Secretaria de Orçamento e Gestão, Secretaria de Governo e Gestão Estratégica, Secretaria de Trânsito e Mobilidade e Parque Zoobotânico. Não haverá alterações quanto ao Procon e à Defesa Civil. Não foi informado, também, se a Chefia de Gabinete manterá o status de primeiro escalão.

Avaliação

O vice-prefeito eleito Ari Vequi afirma que a prefeitura começará o ano “segurando ao máximo” os gastos, o que envolve propor um novo modelo administrativo.

“Um modelo novo que não seja mais de 20 secretarias. Com isso vamos fazer com que se reduza os cargos comissionados, já que os efetivos não podemos reduzir”, diz ele, o qual explica que, hoje, são mais de 3,4 mil funcionários na prefeitura.

Para o prefeito eleito, Jonas Paegle, os primeiros dias do ano serão dedicados a conferir os números da prefeitura, saber qual a real situação financeira do município.

“Temos que conferir esses números, ver realmente o que representam, e saber na sequência como vai se movimentar economicamente a cidade, no sentido da arrecadação. Vamos entrar o ano puxando as rédeas, a gente não sabe como as coisas vão ficar”.

JONAS - Cópia


PRIMEIRO ESCALÃO

Apenas seis nomes são oficialmente confirmados

O prefeito e vice-prefeito eleito confirmam apenas seis nomes já definidos para o primeiro escalão da Prefeitura de Brusque, que passam a atuar a partir de 1º de janeiro. Os nomes são os que já estavam sendo ventilados nos bastidores da política municipal.

Já haviam sido confirmados, anteriormente, os nomes de Humberto Fornari para a Secretaria de Saúde, Marcos Gelain para a Secretaria de Comunicação e Edena Beatris Censi para a Secretaria da Fazenda.

O novo governo também confirma as nomeações de José Zancanaro para a Secretaria de Educação, Juliano Montibeller para o comando do Samae e Mário Mesquita para a Procuradoria Geral do município.

O prefeito eleito afirma que ainda faltam detalhes a serem acertados, mas garante que apenas uma nomeação ainda não foi acertada. Afirma, também, que não haverá mudança na distribuição de recursos por área. “O recurso não vai mudar, o que vai mudar é a folha de pagamento”.

O anúncio oficial do secretário deve ocorrer somente após a posse. No entanto, o vice-prefeito eleito diz que haverá de três a quatro nomes sem filiação partidária. Segundo Vequi, o objetivo de reduzir o número de secretarias é ter uma equipe mais coesa.

“Estamos tentando unir esse grupo para ter uma administração coesa, para que não haja grupos isolados”, afirma Vechi.

JONAS

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio