Julgamento de Paulo Eccel é remarcado para esta quinta-feira, 18

Depois de mais um adiamento, pauta do tribunal confirma analise dos recursos a partir das 9 horas

Julgamento de Paulo Eccel é remarcado para esta quinta-feira, 18

Depois de mais um adiamento, pauta do tribunal confirma analise dos recursos a partir das 9 horas

Depois de mais um adiamento, o Tribunal Superior Eleitoral remarcou para a manhã esta quinta-feira, 18, o julgamento dos recursos que envolvem a cassação do mandato do ex-prefeito Paulo Eccel.

Na sessão, que está marcada para as 9 horas, deverão ser analisados os embargos de declaração apresentados pela defesa da coligação de Eccel, um mandado de segurança e uma ação cautelar, que solicita o imediato retorno do ex-prefeito ao cargo.

Na sessão de julgamento desta terça-feira, 16, os ministros retiraram de pauta os recursos poucas horas antes da votação, marcada para ter início a partir das 19 horas, surpreendendo a todos os que esperavam o desfecho da história.

Eccel foi condenado por unanimidade, junto ao seu vice, Evandro de Farias, por abuso de poder político e econômico durante a eleição de 2012. Na visão do TSE, ele editou informativo sobre as ações da prefeitura que serviram como promoção pessoal de sua figura.

Até agora, na análise dos recursos, três ministros já votaram: dois pela manutenção da cassação do mandato e um pela revogação da condenação.

 

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio