Justiça condena homem por tentativa de latrocínio, em Brusque

Jonathan de Lima Cristo assaltou, junto com um comparsa, o Cako Lanches e ainda atirou contra um policial militar que estava no local de folga

Justiça condena homem por tentativa de latrocínio, em Brusque

Jonathan de Lima Cristo assaltou, junto com um comparsa, o Cako Lanches e ainda atirou contra um policial militar que estava no local de folga

Na segunda-feira, 9, Jonathan de Lima Cristo foi condenado a dez anos em regime fechado por tentativa de latrocínio. Ele foi julgado pelo crime ocorrido na madrugada do dia 16 de julho, no Cako Lanches, no Centro de Brusque.

Conforme a denúncia, ele, junto com outro comparsa ainda não identificado, foi até o caixa do estabelecimento, em posse de um revólver e o comparsa com uma pistola de brinquedo, e sob grave ameaça roubou a quantia de R$ 3 mil.

Um policial militar que estava no local, de folga, tentou impedir a ação, mas Cristo atirou contra ele. Entretanto, o disparo não acertou o policial e a arma emperrou na segunda tentativa.

Os criminosos então pularam o portão da lanchonete e fugiram sentido ao Archer Boulevard. No local os criminosos deixaram os capacetes caírem e também a pistola, que na verdade era uma arma de brinquedo. A ação foi rápida e em seguida a Polícia Militar foi acionada e deslocou várias guarnições para as imediações.

Os assaltantes foram vistos passando a passarela em direção ao Centro 2. As buscas então se concentraram na região e após a abordagem de duas pessoas, elas relataram terem visto um homem subindo em uma árvore nos fundos da empresa Breithaupt, ainda na Beira Rio.

Os policiais cercaram a área e por volta de 1h10 localizaram Cristo, que caiu da árvore. Ele estava armado com um revólver, cano longo, com seis projéteis, um deles deflagrado. Ainda foi apreendida uma quantidade em dinheiro, possivelmente levada no assalto à lanchonete. O comparsa conseguiu fugir.

Cristo, que já tinha passagens pela polícia, estava recolhido no presídio de Itajaí e saiu em liberdade condicional no dia 21 de junho. Com ele foi localizada a chave de uma motocicleta que foi encontrada pela polícia próximo ao Cako Lanches e apreendida.

Ao criminoso não foi concedido o direito de recorrer em liberdade, permanecendo detido na Unidade Prisional Avançada (UPA) de Brusque.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio