Justiça marca mais quatro julgamentos

Sessões ocorrerão nas próximas semanas, no fórum de Brusque

Justiça marca mais quatro julgamentos

Sessões ocorrerão nas próximas semanas, no fórum de Brusque

A Vara Criminal da Comarca de Brusque marcou as datas dos júris que ocorrerão entre o dia 10 deste mês e 10 de novembro. Confira o resumo de cada caso:

Acusado: Mauri José Furquim

Data: 10/10

Fatos: No dia 27 de junho de 2010, no salão do colégio Dom Joaquim, Bairro Dom Joaquim, Mauri José Furquim, com manifesta intenção de matar, desferiu golpes de “facão” contra a vítima, Isair Molmestet, causando-lhe a lesão corporal grave, sendo certo que apenas não conseguiu matá-lo por conta do socorro médico eficaz.


 

Acusado: Fernando de França Ferera
Data: 17/10

Fatos: No dia 23 de fevereiro de 2014, próximo ao meio dia, Silvio Staroscky, a vítima, dirigiu-se até a residência do denunciado para cobrar o aluguel que se encontrava em atraso. Contudo, Fernando de França Ferera se encontrava ausente no momento, pois estava trabalhando. Ao entardecer, por volta das 18h20, ao ver a vítima próxima à entrada de sua residência, o denunciado dirigiu-se até Staroscky para tirar satisfação quanto à cobrança do aluguel em horário anterior, tendo iniciado uma discussão com ele. Na sequência, Silvio entrou em casa, oportunidade em que o denunciado armou-se com um revólver calibre 32, e, atacando-o repentinamente, passou a desferir disparos contra o homem (que se encontrava no interior do cômodo), dos quais dois disparos o atingiram na região da cabeça e um disparo no tórax, pegando-o desprevenido, de surpresa, tornando impossível a sua defesa, posto que Silvio não poderia imaginar um ataque desta proporção contra a sua vida, principalmente porque estava desarmado.


 

Acusado: Vilson Alves
Data: 24/10

Fatos: Na madrugada do dia 21 de março de 2013, na Rua Flavio Luz, bairro Steffen, o denunciado matou a vítima, Gezanio Souza de Barros, com golpes de faca. Salienta-se que o crime foi praticado por motivo fútil, uma vez que a vítima não concordava com o uso de entorpecentes pelo denunciado, o qual estava fazendo uso, inclusive, na residência em que ambos viviam. Além disso, o denunciado atacou a vítima repentinamente, quando esta saía de seu quarto, não dando oportunidade para ela se defender.
O crime foi perpetrado de forma intensa, com reiterados golpes contra a vítima, causando-lhe sofrimento atroz, além do necessário para ceifar a sua vida.


Acusado: Ivo Burakoski
Data: 31/10

Fatos: No dia 21 de agosto de 2012, por volta das 22h15, o denunciado Ivo Burakoski foi ao encontro da vítima, Valdemiro Fidelis, em seu local de trabalho e, lá chegando, desferiu um disparo de arma de fogo contra ela, atingindo-lhe o braço direito. Logo depois, evadiu-se do local dos fatos. O denunciado atacou a vítima repentinamente, vez que este chegava para trabalhar, sendo atingido pelo disparo de arma de fogo ainda enquanto manobrava a sua motocicleta para estacionar no pátio da empresa, não dando oportunidade para ele esboçar qualquer gesto de defesa, pegando-o desprevenido, e, em consequência, tornando impossível a sua defesa.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio